Chamam-lhes, por tradição, os Óscares da moda, mas o seu verdadeiro nome é Prémios CFDA, sigla para Council of Fashion Designers of America. A edição de 2021 aconteceu esta quarta-feira, dia 10 de novembro, e foi especial porque marcou o regresso ao formato presencial, depois da edição de 2020 ter sido online, dadas as medidas de contenção da pandemia. Seria de esperar que os convidados compensassem a falta de festa no ano passado com uma passadeira negra recheada de cor e brilho, no entanto não se verificou a exuberância de outras edições, o que torna fácil destacar Zendaya, com um atrevido conjunto vermelho Vera Wang de crop top e saia comprida; Anya Taylor-Joy num conjunto roxo de Oscar de la Renta; ou Drew Barrymore num ácido e volumoso vestido de Christian Siriano.

Zendaya foi uma das estrelas mais brilhantes desta festa. Recebeu o Prémio de Ícone de Moda. Tornou-se, aos 25 anos, a pessoa mais jovem de sempre a receber esta distinção e a mais recente diva a juntar-se a uma glamourosa galeria de vencedoras que conta com nomes como Beyoncé, Naomi Campbell, Lady Gaga, Rihanna ou Jennifer Lopez. A presença da jovem atriz no mundo da moda é notória e vai muito além dos looks marcantes na passadeira vermelha. Zendaya colaborou com Tommy Hilfiger e hoje dá o rosto por marcas de relevo como Lancôme, Bulgari e Valentino. Em 2013 lançou uma linha de roupa Daya by Zendaya que apostava num design sem género e numa escala de tamanhos mais alargada. As apostas de moda de Zendaya são uma eclética mistura de jovens designers e de nomes consagrados, e conta com a preciosa ajuda do stylist Law Roach. A atriz da série “Euphoria” (2019 – 2021) e do filme “Malcolm & Marie” (2021, Netflix) pode também ser vista no cinema por estes dias em Portugal no filme “Duna” (que estreou a 21 de outubro) ou a partir de 16 de dezembro em “Homem-Aranha: Sem regresso a casa”.

2021 CFDA Fashion Awards

Zendaya ganhou o prémio de Ícone de Moda e usou um look de Vera Wang, aqui fotografada com a designer.

Nesta cerimónia distinguem-se os melhores do ano em diversas áreas da moda americana e celebram-se os novos nomes e rostos que estão a dar cartas na indústria e merecem o incentivo do CFDA. Este ano Christopher John Rogers foi considerado o Designer de vestuário feminino americano do ano; Emily Adams Bode pela marca BODE ganhou o prémio de Designer de vestuário masculino americano do ano, Telfar Clemens pela marca Telfar é Designer de acessórios americano do ano e Edvin Thompson pela marca Theophilio é o designer emergente a ter debaixo de olho. Estes prémios também destacam nomes internacionais e coube a Demna Gvasalia, da casa Balenciaga, o galardão de designer de moda feminina internacional do ano e a Grace Wales Bonner pela Wales Bonner, o prémio de designer de moda masculina internacional do ano. O Prémio de Rosto do Ano é uma estreia da edição de 2021 e a vencedora foi Anya Taylor-Joy, a atriz protagonista da série The Queen’s Gambit.

2021 CFDA Fashion Awards

Anya Taylor-Joy ganhou o Prémio de Rosto do Ano e usou um conjunto roxo de Oscar de la Renta.

A cerimónia teve lugar no restaurante The Pool + The Grill, no icónico edifício Seagram, em Park Avenue, Nova Iorque. A apresentação do evento ficou a cargo da atriz britânica Emily Blunt, que bem conhecemos desde que vestiu o papel de Emily em “O Diabo Veste Prada” (2006) até se tornar na Mary Poppins do século XXI (2018) e que, nesta noite, brilhou num fato com um exótico tom laranja da autoria de Christopher John Rogers, que viria a ser anunciado vencedor do prémio para Designer de vestuário feminino americano do ano.

Veja aqui a lista completa dos vencedores dos CFDA Fashion Awards 2021:

  • Designer de vestuário feminino americano do ano: Christopher John Rogers
  • Designer de vestuário masculino americano do ano: Emily Adams Bode pela marca BODE
  • Designer de acessórios americano do ano: Telfar Clemens pela marca Telfar
  • Designer emergente americano do ano: Edvin Thompson pela marca Theophilio
  • Designer de moda feminina internacional do ano: Demna Gvasalia pela casa Balenciaga
  • Designer de moda masculina internacional do ano: Grace Wales Bonner pela marca Wales Bonner

Prémios honorários

  • Ícone de moda CFDA: Zendaya
  • Rosto do ano: Anya Taylor-Joy
  • Prémio influência social positiva: Model Alliance
  • Prémio carreira Geoffrey Beene: Dapper Dan
  • Prémio da fundadora em honra de Eleanor Lambert: Aurora James por 15 Percent Pledge
  • Tributo do conselho de diretores: Yeohlee Teng
  • Prémio de media em honra de Eugenia Sheppard: Nina Garcia.
  • Prémio de sustentabilidade ambiental: Patagonia

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR