O Spartak Moscovo, do treinador português Rui Vitória, cumpriu esta segunda-feira o sexto jogo consecutivo sem vencer no campeonato russo de futebol, ao empatar 1-1 no estádio do Ufa, em jogo da 16.ª jornada.

Poucos dias depois de brilhar na Liga Europa, competição em que venceu pela segunda vez o Nápoles e assumiu o segundo lugar no grupo C, a equipa voltou a fraquejar na competição dentro de portas, na qual não vence há quase dois meses.

No jogo desta segunda-feira, em casa do Ufa, 12.º classificado, equipa um ponto acima dos play-off de manutenção, o Spartak Moscovo esteve a perder até muito perto do final, após golo de Aleksey Nikitin, aos 70 minutos, mas conseguiu a igualdade já nos descontos.

A equipa, que ficou reduzida a 10 jogadores, por expulsão de Rasskazov, devido a segundo cartão amarelo, aos 87 minutos, ainda chegou ao empate aos 90+4, graças a uma grande penalidade convertida por Aexander Sobolev.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

O empate mantém o Spartak Moscovo em 10.º lugar, com mais três pontos do que o Rostov (11.º) e quatro do que o Ufa (12.º).

Após 3 de outubro, data em que venceu fora o Akhmat Grozny (1-0), a equipa moscovita empatou no campeonato russo com o Dínamo Moscovo (2-2), Rostov (1-1) e Lokomotiv (1-1), e perdeu com o Zenit (7-1) e com o Krasnodar (2-1).