Logo Observador
Beleza e Bem Estar

Cinco produtos de beleza que devem viver na gaveta do seu escritório

257

De certeza que tem a secretária apetrechada de canetas e post-its. E produtos de beleza essenciais? Preparámos um kit SOS que lhe vai salvar a pele e o cabelo. Acredite, vai precisar dele.

Getty Images

De segunda a sexta-feira, gastamos mais de um terço do nosso tempo a trabalhar — oito horas por dia, 40 horas por semana, 176 horas por mês, duas mil horas por ano, mais coisa, menos coisa. E se estamos todas essas horas enfiadas num cubículo, num escritório ou noutro local, vamos obrigatoriamente precisar de botes de salvação porque a pele não deixa de funcionar só porque estamos ocupadas. Na verdade, é quando estamos ocupadas que nos prega partidas.

Tal como temos à nossa volta objetos essenciais – telefone, computador, agenda, canetas, post-its, agrafador, caneca de chá – também há certos produtos de beleza que deveriam viver na gaveta do escritório porque vão, literalmente, salvar-nos a vida. Diga adeus ao aspeto fantasmagórico que, muitas vezes, já tem na hora de almoço. Para criar um kit de refresh para a sua gaveta, vai precisar destes novos amigos:

1. Toalhitas absorventes de oleosidade

“Eu não acumulo óleo na minha pele”, deve estar a pensar. Mas de certeza que, pela hora de almoço, já apoiou o rosto na mão mais vezes do que aquelas de que se lembra, e a zona T (testa, nariz e queixo) está mais brilhante do que batatas fritas a saírem da frigideira. A acumulação de óleo na superfície da pele é, resumidamente, uma forma de a proteger da desidratação que é natural e que acontece ao longo do dia. Ter toalhitas que removem a oleosidade pode ser um SOS para os dias em que brilhamos como diamantes – absorvem o excesso de óleo sem retirar a maquilhagem e deixam a pele com um acabamento mate, tal como quando nos acabamos de maquilhar de manhã.

Imagem 1 secretaria

Toalhitas absorventes de oleosidade, Mary Kay, PVP: 11€; Oil-Control Blotting Paper, Shiseido, PVP: 22.50€. 

2. Champô seco

Para quem anda de transportes, e não só, apanhar chuva e chegar ao emprego com o cabelo num estado lastimável não é novidade. Mas, se tiver um champô seco na gaveta da sua secretaria, tem o problema resolvido em segundos. De maneira geral, os champôs secos limpam o cabelo sem ter de o lavar porque absorvem o excesso de secreções sebáceas, deixando-o brilhante, sem resíduos, e novamente com um aspeto limpo, com volume e com o styling prolongado.

Imagem 2 secretaria

Fresh Dust, L’Oréal Professionnel, PVP: 17,90€; Champô Seco extra-suave Leite de Aveia, Klorane, PVP: 11,80€; Naturia Champô Seco, René Furterer, PVP: 14,30€. 

3. Água termal e de beleza

Esqueça os patrões. Os ares condicionados e os aquecedores são os verdadeiros maus da fita da vida laboral – fazem demasiados estragos na nossa pele, secando-a. É aqui que os vaporizadores de água termal e as águas de beleza podem ser um SOS ao longo do dia. E não, não são meras águas. Têm propriedades próprias que vão acalmar a pele, refrescar, diminuir a sensação de desconforto e dar um boost de luminosidade ao rosto. Não tiram a maquilhagem nem deixam a pele oleosa.

imagem 3 secretaria

Eau de Beauté, Caudalie, PVP: 10,90€ (30ml), 32€ (100ml); Eau Thermal Vaporizador de Água Termal, Vichy, PVP: 8,30€ (150ml); Eau Thermale, Uriage, PVP: 4€ (50ml), 11,95€ (300ml).

4. Hidratante para mãos e lábios

Não é só a pele do rosto que se estraga e seca entre os aquecedores e os ares condicionados. Os escritórios podem ser tal e qual aviões e deixar as nossas mãos e lábios gretados, secos e desidratados, por estarem constantemente expostos. Enquanto estiver a trabalhar, esqueça os batons com cor, a não ser que sejam batons com componentes protetoras. Aposte em produtos de atuação rápida, hidratação forte, e vá aplicando ao longo do dia. A ideia é criar uma película invisível, apaziguante e fortificante. Nota: lembre-se que as mãos e os lábios também envelhecem e mantê-los diariamente hidratados é meio caminho andado para minimizar os sinais de envelhecimento.

Imagem 4 secretaria

Crème Jeunesse des Mains, Clarins, PVP: 18,35€; Re-Nutriv Intensive Smooth Hand Creme, Estée Lauder, PVP: 51,75€; Revê de Miel Lip Balm, Nuxe, PVP: 11,40€; Crème de Rose, Dior, PVP: 25€. 

5. Produtos SOS

Depois de falar ao telefone uma e outra vez, de comer um snack a meio da manhã, colocar óculos, tirar óculos, apoiar o rosto nas mãos, passar horas a olhar para o computador… a pele começa a ficar oleosa e a maquilhagem a sair. Raramente alguém chega à hora de almoço com uma maquilhagem impecável. A solução? Tenha produtos que cumpram várias funções, para não parecer que tem a Perfumes & Companhia na gaveta do trabalho, ou que sejam bons SOS para retocar durante o dia. Eis a nossa lista: 1) um pó translúcido porque vai desenrascar se não tiver toalhitas anti-oleosidade e absorver o brilho. 2) um kit batom+blush porque servem dois propósitos: dar cor aos lábios e às maçãs do rosto. Ideal para o fim do dia, quando já estamos fantasmagóricas. 3) um corretor que oculte alguma imperfeição indesejada – manchas e borbulhas, por exemplo. 4) uma base em pó para corrigir o tom de pele irregular com que ficamos à hora de almoço quando metade da base já desvaneceu. 5) E por último, um sérum rápido de olhos que acalme os olhos cansados, as olheiras e ilumine o olhar. Bye bye aspeto cadavérico.

Imagem 5 secretaria

Kiss & blush, Yves Saint Laurent, PVP: 36€; Corrector Dermablend Stick, Vichy, PVP: 14,80€; Sérum de olhos All About Eyes, Clinique, 30,60€; Base em pó Perfect Smoothing Compact Foundation, Shiseido, PVP: 46,80€; Pó translúcido Poudre Première, Givenchy, PVP: 42,80€.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Incêndios

Eu vivi um fogo. E vi quem são os heróis

Fernando Leal da Costa

Foi então que os vi. Os populares, como se lhes chama tantas vezes, montados em tratores e pick-ups equipados com depósitos e mangueiras. Chegam e, sem medo, atiram-se ao monstro que crepita fagulhas.