Logo Observador
10 de junho

10 Junho: Comemorações oficiais do Dia de Portugal começam em Lamego

136

Começam esta terça-feira as comemorações oficiais do Dia de Portugal em Lamego. Presidente centra iniciativas nos jovens.

António Cotrim/LUSA

Autor
  • Agência Lusa

As comemorações oficiais do 10 de Junho começam esta terça-feira em Lamego e, além das tradicionais iniciativas do içar da bandeira e da sessão solene na Câmara Municipal, este ano incluem um encontro de jovens sobre a interioridade.

De acordo com o programa oficial, a primeira iniciativa decorrerá logo pelas 10h00, com a habitual cerimónia do içar da bandeira nacional pelo Presidente da República, Anibal Cavaco Silva, na avenida Visconde Guedes Teixeira, em Lamego.

Logo de seguida, no Largo Camões, irá decorrer uma homenagem a D. Miguel de Portugal, seguindo depois o chefe de Estado para a Igreja do Mosteiro das Chagas, que irá visitar e assistir a uma atuação do coro da Universidade Sénior.

Pelas 10h45, nos Paços do Concelho, Cavaco Silva irá descerrar uma placa alusiva à ocasião, decorrendo depois uma sessão solene oferecida pela Câmara Municipal de Lamego.

Ao almoço, o Presidente da República juntará nos claustros da Sé de Lamego cerca de quatro dezenas de personalidades que se destacaram ao longo do ano nas suas atividades profissionais nas áreas da cultura, desporto, ciência, empreendedorismo e associativismo.

No encontro estarão também presentes personalidades relacionadas com Lamego, “palco” este ano das comemorações oficiais do 10 de junho.

Depois do almoço, o chefe de Estado irá inaugurar a exposição “Santiago por Portugal”, organizada pelo museu da Presidência da República, em parceria com a Câmara Municipal de Lamego e a diocese de Lamego.

A exposição, que ficará patente no Museu Diocesano de Lamego, conta a história da Ordem de Santiago, desde as suas origens, no século XII, até à atualidade. A condecoração da Ordem de Santiago de Espada é uma insígnia destinada a galardoar o mérito literário, científico e artístico.

Pelas 16h00, na Escola de Hotelaria e Turismo do Douro, o Presidente da República encerrará o encontro “A Interioridade e os Desafios da Emancipação Jovem”, promovido pelo Conselho Nacional da Juventude (CNJ) e que juntará cerca de 70 jovens.

O primeiro dia do programa oficial das comemorações do 10 de Junho terminará com a apresentação de cumprimentos do Corpo Diplomático acreditado em Portugal, seguido de um jantar oferecido pelo Presidente da República.

No dia seguinte irão realizar-se as tradicionais cerimónias militar e sessão solene comemorativas do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas.

Este ano, Cavaco Silva nomeou como presidente da comissão organizadora das comemorações do Dia de Portugal a investigadora Elvira Fortunato.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: observador@observador.pt
Portugal 2020

Um 10 de Junho diferente

João José Brandão Ferreira

Olivença está bem arranjada, nota-se ainda perfeitamente a sua traça portuguesa e o centro, monumentos e fortalezas, são portuguesas, fora de qualquer dúvida. Merece uma visita.