Jurar amor eterno e selá-lo com um “sim” no altar de uma igreja não vai fazer com que discuta mais com o seu companheiro. Um levantamento demográfico sobre relações concluiu que tanto os casados como os unidos de facto discutem. Mas, dos 22 países estudados, nem todos os casais discutem da mesma forma. Portugal está em penúltimo e é onde menos se discute por tarefas domésticas.

De acordo com a pesquisa, os casais que vivem em união de facto discutem mais sobre as tarefas domésticas, enquanto os casados discutem sobretudo por razões relacionadas com a sua ocupação profissional. E isto acontece em todos os Países europeus analisados. A pesquisa em causa baseou-se em dados do “European Social Survey” de 2004. Foram selecionados casais heterossexuais entre os 18 e os 45 anos de 22 países europeus, entre eles Portugal.

Todos os casais discutem, embora por motivos diferentes.

As conclusões foram publicadas numa revista sobre Investigação Demográfica e mostram que todos os casais discutem, embora por motivos diferentes. Por outro lado, há países onde os casais discutem mais do que noutros. E Portugal e Grécia (ambos em crise) aparecem no fim do “ranking” de discussões em casais desavindos. Dos 438 inquiridos em Portugal, 36 % admitiu discutir por causa das tarefas domesticas e 32% disse discutir por causa do trabalho. A percentagem sobe para 37% quando o motivo da discussão é dinheiro. Em contrapartida, na Finlândia, 90% dos casais discutem pelas tarefas domésticas, como a limpeza.

Por outro lado, a investigação concluiu também que casais com maiores rendimentos discutem menos as tarefas da casa mas discordam mais em assuntos relacionados com o trabalho de cada um. Provavelmente por trabalharem mais tempo (ou por terem possibilidades de pagar a terceiros que desempenhem as tarefas domésticas).

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Ter filhos aumenta a tensão entre os casais.

Outra conclusão: ter  filhos aumenta a tensão entre os casais (casados ou não) e as discussões. Seja por motivos domésticos, seja por razões profissionais. Posto isto, respire fundo. E tenha calma.