Lembra-se do Alan? Era aquele senhor de barba, um pouco tresloucado, que virava tudo do avesso nos filmes “A Ressaca”. Pois bem, Hollywood funciona muitas vezes como profeta da realidade. E da desgraça, neste caso. No “A Ressaca III” houve um momento que todos achávamos só poder acontecer num filme daqueles: uma girafa a ser transportada na auto-estrada que acabaria sem vida por esbarrar num viaduto. Avisamos já que é um bocado gráfico, pelo que os mais sensíveis deverão saltar o excerto do filme.

A notícia é que este filme aconteceu na vida real. Foi na África do Sul, numa das vias rápidas de Pretoria, quando um proprietário transportava as suas duas girafas. O momento foi testemunhado por Thinus Botha, um engenheiro de 32 anos, que até conseguiu tirar uma fotografia momentos antes do acidente (está no tweet abaixo). “Eu puxei da máquina antes do viaduto e uns segundos depois de ter tirado a fotografia a primeira girafa bateu com a cabeça no viaduto”, disse ao MailOnline.

E continuou: “Ouviu-se uma forte pancada e vi sangue a sair do nariz da girafa. Soube depois que não sobreviveu e não fiquei surpreendido. Foi um golpe violento na cabeça.” O proprietário das girafas disse ao Citizen, um diário local, que já as tinha transportado mais vezes e que souberam sempre desviar-se. Deve ser a isto que chamam ter fé…

Segundo o DailyMail, a Associação para a Prevenção da Crueldade contra os Animais da África do Sul disse à imprensa local que o condutor e proprietário dos animais poderá enfrentar acusações criminais.