A José de Mello Saúde obteve resultados líquidos de 14 milhões de euros durante o primeiro semestre de 2014, de acordo com um comunicado divulgado pela empresa nesta quarta-feira. O número corresponde a um crescimento de 121,2% em comparação com o mesmo período de 2013.

Os rendimentos operacionais consolidados da empresa progrediram 8,2% de janeiro a junho deste ano e atingiram 263,4 milhões de euros. A José de Mello Saúde explica esta desempenho com o crescimento de 7,7% registado na área dos cuidados de saúde privados e de 8,7% no segmento de cuidados de saúde públicos.

O EBITDA (lucros antes de juros, impostos, depreciações e amortizações) fixou-se em 31,6 milhões de euros no primeiro semestre, o que corresponde a uma evolução de 34,1% em relação ao mesmo período do ano passado. Com este comportamento, o comunicado assinala que a margem operacional avançou 2,3 pontos percentuais e ficou em 12%.

A empresa assinala, ainda, que a dívida líquida consolidada registou uma redução de 8,6 milhões de euros em comparação com o nível que se verificava em dezembro de 2013, o que fez baixar o indicador para 70 milhões de euros. Liderada por Salvador de Mello, a José de Mello Saúde gere 11 hospitais e clínicas sob a marca CUF, além das parcerias público-privadas do Hospital de Braga e do Hospital de Vila Franca de Xira.