O jogador de críquete australiano Phil Hughes morreu hoje num hospital de Sydney, dois dias depois de ter sido atingido na cabeça num jogo disputado num estádio de Sydney, informou um membro da equipa médica.

“É meu triste dever informar-vos que Phillip Hugues morreu há pouco”, declarou Peter Brukner, em comunicado.

O atleta, de 25 anos, que fraturou o crânio e sofreu uma hemorragia cerebral, foi operado e colocado em coma induzido para aliviar a pressão na zona afetada, segundo a agência local AAP.

O jovem batedor foi atingido numa parte da cabeça, que não estava protegida pelo capacete, por uma bola arremessada por um lançador da equipa adversária durante uma partida do campeonato provincial.

Após o impacto, Hughes cambaleou por momentos, antes de cair inconsciente com o rosto no chão.