O ministro da Economia, António Pires de Lima, deixou um “aviso de amigo” aos concorrentes à privatização da TAP, sugerindo-lhes que façam “o melhor esforço” para apresentar “a melhor proposta” até sexta-feira.

“Agora que nos estamos a aproximar da data limite para a apresentação das propostas vinculativas melhoradas, é um aviso, se quiserem, de amigo aos dois concorrentes que ainda estão nesta batalha”, declarou António Pires de Lima aos jornalistas, no concelho de São Vicente, na Madeira, onde se encontra a acompanhar a visita oficial do primeiro-ministro a esta região autónoma.

Antes, o ministro da Economia afirmou que as ligações do continente ao arquipélago, nos termos do caderno de encargos da privatização da TAP, vão manter, “no mínimo”, a frequência que têm tido. O Governo espera que com o crescimento da TAP “a frequência dos voos possa até ser intensificada”, acrescentou.