Esqueça Nova Iorque, Londres ou Hong Kong. Outras cidades, em pleno desenvolvimento, ultrapassarão as atuais potências financeiras.

Um estudo da consultora multinacional McKinsey revela que, dentro de uma década, as cidades mais ricas do mundo estarão no norte da Europa e na Ásia. De Bergen, passando por Macau, até Hwaseong: o paradigma vai mudar.

Verifique as previsões e comece a memorizá-las.