Um creme facial já faz parte da rotina de (praticamente) todas as mulheres. Até das mais preguiçosas. Mas e um sérum? Sabe para que serve? Como se usa? Qual o seu foco de atuação na pele? Provavelmente não — os séruns ainda são o patinho feio da cosmética, que é como quem diz, passamos por eles nas prateleiras do supermercado, da perfumaria e da farmácia e nem lhes pousamos a vista em cima.

O que é?

Só para perceber o poder de um sérum (e como não anda a prestar os devidos cuidados à sua pele), é uma espécie de ultraconcentrado em ingredientes ativos específicos e que, por isso, consegue produzir efeitos mais rápidos – atuam nos problemas desde o interior. E a sua explicação é simples: são de rápida absorção, não gordurosos e têm uma textura mais fluida que a de um creme, o que faz com que penetrem mais rápida e profundamente na pele. São, por isso, considerados quase como super cosméticos. O seu objetivo é atuar no interior da pele, agindo assim de dentro para fora. Por penetrarem rapidamente e não atuarem à superfície, nunca podem ser usados sozinhos (sobretudo de manhã, porque a pele não ficaria protegida para o resto do dia) mas são um complemento aos cremes, dado que vão potenciar o seu trabalho e acelerar os resultados.

Por outro lado, os cremes têm texturas mais “grossas” que vão atuar na hidratação e proteção da pele – criam uma espécie de barreira entre a pele e o exterior. Alguns dos seus princípios ativos penetram para agir no interior da pele mas outros mantêm-se à superfície para a proteger (como os filtros solares). É exatamente aqui que os séruns entram, ao serem super cosméticos que vão atuar onde os cremes não conseguem chegar.

Quando usar um sérum?

Hoje em dia já existem séruns para combater uma série de problemas: anti-envelhecimento, anti-manchas, iluminação, flacidez, desidratação… E é nestes problemas que vão fazer a diferença e onde podemos ver resultados mais rapidamente. O ideal será aplicar em pele lavada, de manhã e à noite, antes do creme. E bastam algumas gotas por dia, atenção. Lembre-se que têm alta concentração de ingredientes.

Se acha que anda a olhar bem para as prateleiras e eles é que passam despercebidos, veja alguns dos melhores séruns que já estão disponíveis no mercado português. E se faz tratamentos anti-idade, anti-manchas, para hidratação, flacidez (entre outros…), adicione este cosmético à sua rotina ainda hoje.

12 fotos