Escapadinhas

Vá passear. Há 10 novos hotéis que merecem uma visita

509

Com dois feriados e dois potenciais fins de semana grandes pela frente, reunimos 10 espaços hoteleiros abertos nos últimos seis meses em Portugal, de apartamentos citadinos a casas no meio do campo.

O Armazém Luxury House abriu num armazém de ferro do século XIX, no Porto.

Imagem retirada do site do hotel

Armazém Luxury Housing

Largo de São Domingos, 74-76 (Baixa), Porto. 22 340 2090. A partir de 180€ por noite

Era um armazém de ferro, agora é um hotel de charme cheio de janelas e terraços abertos para a Sé do Porto e a Torre dos Clérigos. O Armazém Luxury Housing começou a receber os primeiros hóspedes em julho e tem nove quartos onde materiais como a pedra, o betão, o ferro e a madeira garantem que a estadia se assemelha a uma boa revista de arquitetura. O projeto é do gabinete Pedra Líquida e do arquiteto Luís Sobral e inclui uma penthouse maior do que muitas casas da Invicta, com 63 metros quadrados. Em breve haverá também três apartamentos num prédio vizinho, na Rua das Flores, e uma escola de ioga.

armazém terraço

Um dos terraços com vista para a Sé do Porto, envolvido para dois dos materiais predominantes no hotel, a pedra e a madeira. (Foto: Divulgação)

Memmo Príncipe Real Hotel Lisboa

Rua D. Pedro V, 56 J (Príncipe Real), Lisboa. 21 901 6800. A partir de 209€ por noite

Está ao mesmo tempo escondido e plantado numa colina de Lisboa, e para lá chegar é preciso atravessar o pequeno túnel que liga a rua Dom Pedro V (no número 56) à encosta da colina de São Roque, na continuação do Miradouro de São Pedro de Alcântara. Isto significa duas coisas: que o novo Memmo Príncipe Real é sossegado e que tem uma das melhores vistas da cidade. O espaço do grupo que também detém uma unidade em Alfama e em Sagres abriu em outubro com um restaurante virado para os lisboetas, o Café Colonial, e 41 quartos que sublinham o caráter cosmopolita do bairro, ou não fosse um boutique hotel de cinco estrelas. Logo à entrada, um quadro do próprio Príncipe Real D. Pedro V, pintado a óleo por Barahona Possolo, dá as boas vindas aos hóspedes num ambiente onde se destacam os muitos candeeiros modernos — e a vista que se tem do terraço, claro.

extra - memmo preal - Lobby

O “lobby” onde está o quadro de D. Pedro V e os janelões que dão para o terraço. (Foto: Divulgação)

Santa Bárbara Lodge

Canada da Tapada, 14, São Vicente Ferreira (Ponta Delgada), Açores. 29 636 0470. Suites a partir de 80€

Um ano depois de abrirem o primeiro resort ecológico de São Miguel, João Reis e Rodrigo Herédia trouxeram outro refúgio idílico aos Açores. O Santa Bárbara Lodge abriu no verão e é o irmão mais novo do Santa Bárbara Eco Beach Resort, na praia com o mesmo nome. Para além dos donos, as unidades partilham duas coisas essenciais para qualquer citadino a precisar de uma escapadinha: uma vista espetacular sobre o Atlântico e a calma de quem só quer desligar de tudo.

Localizado em São Vicente Ferreira, a cerca de 10 minutos de Ponta Delgada e da praia de Santa Bárbara, o Lodge tem oito suites (de T0 a T2) projetadas pelo arquiteto Fernando Monteiro, todas equipadas com cozinha e batizadas com nomes de peixes da ilha, do atum à abrótea, passando pelo chicharro. A ideia é promover a autonomia de cada hóspede — há uma cesta de pequeno-almoço que pode ser entregue nos quartos, por mais 25€ — e relaxar num espaço minimal e luminoso, onde não falta uma piscina exterior. Um recanto plantado na falésia de onde só apetece sair para explorar a ilha ou usufruir das massagens e do restaurante do Santa Bárbara Eco Beach Resort, onde o chef Alexandre Pasqualotto faz brilhar os peixes e mariscos da região numa carta japonesa onde até as famosas lapas foram parar ao sushi.

Acores, Azores, Joana Damiao, Paulo Goulart Photography, Santa Barbara SVF, Sao Miguel, Sao Vicente Ferreira, T8, Turismo De Habitacao, Turismo Dos Acores, www.paulogoulartphoto.com,

As suites térreas têm acesso direto à piscina. (Foto: Paulo Goulart)

Martinhal Chiado Family Suites

Rua das Flores, 44 (Chiado), Lisboa. 21 002 9600. A partir de 200€ por noite

Poucos hotéis têm um Clube do Pijama, mas poucos hotéis foram considerados o melhor destino de luxo para famílias da Europa. É o caso do Martinhal, que em 2016 juntou duas novidades ao seu resort em Sagres: o Martinhal Cascais, na Quinta da Marinha, e o Martinhal Chiado, em Lisboa. Ambos com a mesma filosofia da casa mãe e, portanto, perfeitos para famílias.

No caso do Chiado, a novidade mais recente, para além de um Clube do Pijama há um Kids Club com atividades para crianças, babysitting e uma zona de refeições com pequeno-almoço buffet onde os miúdos têm direito a loiças coloridas. Em vez de quartos, a unidade tem 37 apartamentos T0, T1 e T2 distribuídos por vários andares de um edifício do século XIX remodelado e kid friendly. Todas as suites estão equipadas com cozinha e máquina de lavar roupa, numa decoração moderna onde saltam à vista os quadros gráficos e coloridos da artista portuguesa Kruella D’Enfer, assim como as grandes varandas de madeira que dão para a cidade.

2016©www.tempusdexposicao.com

Os apartamentos têm vários artigos de design e obras de artistas portugueses. (Foto: Tempus D’Exposição Estúdio)

Hotel Casa Palmela

Quinta do Esteval, Estrada Nacional nº 10, km 33,5, Setúbal. A partir de 180€ por noite.

Quando um hotel tem como morada o quilómetro de uma estrada nacional, isso só pode querer dizer uma coisa: é melhor ligar o GPS e desligar o stress, porque vai para uma propriedade sossegada. O Hotel Casa Palmela, aberto em outubro, é um desses casos. Erguido na Quinta do Esteval, numa antiga casa senhorial recuperada, está inserido numa propriedade com mais de 70 hectares e é o primeiro hotel de cinco estrelas de Setúbal. Entre as mordomias encontram-se 20 quartos de um imóvel classificado de Interesse Municipal, spa e piscina, e ainda a oportunidade de fazer atividades ao ar livre, como passeios a cavalo ou de barco, em pleno Parque Natural da Arrábida.

Hotel Casa Palmela

A antiga casa senhorial está no centro da quinta de 70 hectares. (Foto: Divulgação)

Aqua Village Health Resort & Spa

Caldas de S. Paulo, Oliveira do Hospital. 23 824 9040. A partir de 145€ por noite

Foi uma das escapadinhas que sugerimos para dar as boas vindas ao outono, mas também é uma ótima sugestão de inverno, ou não estivesse perto da Serra da Estrela. O Aqua Village Health Resort é apresentado como o primeiro resort de cinco estrelas da região centro do país e abriu as portas em meados de setembro como uma unidade vocacionada para a saúde e o bem estar. Para além de uma piscina exterior há uma interior com águas termais, outra semicoberta, duche de contrastes e 29 apartamentos de tipologia T1 e T2. A pensar no bom tempo, o resort conta ainda com uma praia fluvial privativa, banhada pelo rio Alva, e um conjunto de estruturas suspensas nas copas das árvores, para descansar no meio da natureza.

Aqua Village Health (7)

A piscina interior com águas termais. (Foto: Sara Matos)

Casa Mãe

Rua do Jogo da Bola, 41 (Lagos), Algarve. 96 836 9732. A partir de 95€ por noite

A casa que dá nome ao hotel está ainda a ser recuperada, mas em compensação os hóspedes já podem estrear um edifício que, apesar de novo, não podia estar mais encaixado na paisagem. Batizado de Jogo da Bola, o primeiro espaço da Casa Mãe fica no centro de Lagos e é decorado com um pavimento em terracota artesanal seca ao sol do Algarve e “uma fachada de painéis em madeira inspirada nas tradicionais reixas algarvias”. Todo a unidade é orientada para o azul do céu, dos quartos com grandes janelas aos terraços com camas de rede. No restaurante Orta é possível experimentar smoothies saudáveis e produtos locais (alguns da própria horta), enquanto na loja há marcas portuguesas como a Gur — que faz tapetes desenhados por artistas –, para levar para casa.

casa mãe

Descansar ao quadrado, na cama principal ou na de rede. (Foto: Divulgação)

Pestana CR7 Lisboa

Rua do Comércio, 54, (Baixa), Lisboa. Preço médio: 160€ por noite

A inauguração teve honras de Estado, ou quase, com o presidente da Câmara de Lisboa e o próprio Cristiano Ronaldo a cortarem a fita, no passado dia 2 de outubro. Depois do primeiro hotel do jogador ter aberto na Madeira, em julho, o Pestana CR7 Lisboa chegou à capital com o Terreiro do Paço como vizinho e o mesmo público alvo — os millenials e os interessados nas novas tecnologias. Por isso mesmo há um giga de acesso wi-fi grátis para os hóspedes nos 83 quartos, carregadores duplos USB para smartphones e tablets, televisões HD de 48 polegadas, Apple TV e sistema de streaming para Android ou ainda, na suíte CR7, uma PS4 e óculos de realidade virtual. Mas os adeptos do futebol em geral (e do craque em particular) também não foram esquecidos, ou não fosse este o hotel de Cristiano Ronaldo: no ecrã dos elevadores é possível ver alguns dos momentos da vida do jogador, nas escadas ouve-se o som envolvente de um estádio e até os tapetes dos quartos têm sete marcas de chuteiras que replicam as pegadas de um sprint de Cristiano Ronaldo no relvado.

CR Room

Nos quartos, as marcas de chuteiras no tapete recriam um sprint de Ronaldo no relvado. (Foto: Tiago Sousa)

Monte da Estrela Country House & Spa

Aldeia da Estrela, Póvoa de São Miguel, (Moura), Alentejo. 91 937 3733. A partir de 160€ por noite

À letra é uma casa de campo com spa e tem um pormenor que faz diferença nos meses de inverno: piso aquecido, que por sinal é de xisto da região. O Monte da Estrela Country House & Spa abriu em julho num monte alentejano de Moura e tem sete quartos, todos com alpendre e vista para a propriedade e a piscina. Na sala comum há lareira, no spa há massagens com produtos Terraké e no olival há bicicletas para descobrir os nove hectares.

monte da estrela geral

Vista geral da propriedade. (Foto: Divulgação)

Fenicius Charme Hotel

Rua Andrade, 23, (Anjos), Lisboa. 21 810 0310. A partir de 80€ por noite

Do nome às imagens dos monumentos nas paredes dos quartos, o Fenicius Charme Hotel é uma homenagem a Lisboa. A unidade de três estrelas acabou de inaugurar — as portas abriram a 7 de novembro, no coração dos Anjos — e define-se como um hotel urbano, pensado para descobrir a cidade. A decoração é moderna, com cadeiras amarelas, ilustrações de Amália, Eusébio, Pessoa e Saramago na zona comum e frases como “smile, there’s coffee” (sorria, há café) na sala de pequenos-almoços. O hotel não dispõe de restaurante mas tem uma carta de tostas e outras refeições ligeiras para retemperar forças antes de atacar a cidade. Há 40 quartos e até ao final do mês de novembro está a decorrer uma promoção em que paga 65€ por noite, para duas pessoas, ou 60€ por um quarto single, sempre com pequeno-almoço incluído.

HotelFenicius_20160915_0231

A zona do bar é “vigiada” por quatro ícones portugueses: José Saramago, Amália Rodrigues, Fernando Pessoa e Eusébio. (Foto: Sónia Guerreiro)

Todos queremos saber mais. E escolher bem.

A vida é feita de escolhas. E as escolhas devem ser informadas.

Há uns meses o Observador fez uma escolha: uma parte dos artigos que publicamos deixariam de ser de acesso totalmente livre. Esses artigos Premium, por regra aqueles onde fazemos um maior investimento editorial e que mais diferenciam o nosso projecto, constituem a base do nosso programa de assinaturas.

Este programa Premium não tolheu o nosso crescimento – arrancámos mesmo 2019 com os melhores resultados de sempre.

Este programa tornou-nos mesmo mais exigentes com o jornalismo que fazemos – um jornalismo que informa e explica, um jornalismo que investiga e incomoda, um jornalismo independente e sem medo. E diferente.

Este programa está a permitir que tenhamos uma nova fonte de receitas e não dependamos apenas da publicidade – porque não há futuro para a imprensa livre se isso não acontecer.

O Observador existe para servir os seus leitores e permitir que mais ar fresco circule no espaço público da nossa democracia. Por isso o Observador também é dos seus leitores e necessita deles, tem de contar com eles. Como subscritores do programa de assinaturas Observador Premium.

Se gosta do Observador, esteja com o Observador. É só escolher a modalidade de assinaturas Premium que mais lhe convier.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: adferreira@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)