A Federação Internacional de Natação (FINA) propôs ao Comité Olímpico Internacional (COI) a inclusão da modalidade ‘cliff diving’ no programa dos Jogos Tóquio2020, anunciou esta sexta-feira na apresentação da etapa de Abu Dhabi para a Taça do Mundo.

A prova, que decorre entre esta sexta-feira e sábado, é o ponto alto de uma modalidade que consiste em saltos para a água a 27 metros de altura, para homens, e 20 metros para mulheres.

“É um desporto extremo que certamente acrescentaria valor ao programa olímpico. Desde a introdução da modalidade na FINA, em 2013, a evolução tem sido extraordinária”, disse, na quinta-feira, o diretor executivo do organismo de cúpula da natação mundial, Cornel Marculescu.

O ‘cliff diving’, ou ‘high diving’, como também é conhecido o desporto, tem sido incluído nos Campeonatos do Mundo de saltos para a água desde 2013, aparecendo pela terceira vez no programa dos Mundiais de 2017, que decorrem de 14 a 30 de julho em Budapeste.