Rui Bragança, do taekwondo, conquistou esta manhã (hora portuguesa) a medalha de prata na categoria -58kg das Universíadas, naquele que foi o primeiro pódio de Portugal nesta edição de 2017 que se está a realizar em Taipé, repetindo assim a participação que tivera há dois anos em Gwangju, na Coreia do Sul, onde tinha apenas cedido frente ao cazaque Nursultan Mamayev.

O atleta da Associação Académica da Universidade do Minho começou por vencer o jordano Malek Bani Ahmad por 19-9, num duelo onde o português conseguiu desequilibrar por completo as contas no terceiro e último round (no final dos dois primeiros registava-se um empate a sete). De seguida, e ainda nas primeiras rondas, Bragança ganhou ao indonésio Adam Ferdyansyah por 11-6, num combate que conseguiu dominar por completo a partir do segundo round.

Nos quartos-de-final, frente ao adversário da “casa” Cheng-Ching Huang, o português ganhou por 11-8 após dois rounds sem qualquer ponto para qualquer um dos atletas. O duelo mais complicado estava para vir mas Rui Bragança foi mais forte no momento decisivo, batendo o russo Gulzhigit Kochkorbaev na morte súbita por superioridade no número de toques ao adversário, após o empate a três no final dos três rounds.

Na final, o português acabou por ceder frente ao iraniano Hadi Tiranvalipour, perdendo por 7-5. Após um mau início de combate, onde saiu a perder por 3-0 no final do primeiro round, Bragança ainda reduziu a desvantagem (3-5 no final do segundo round) mas não conseguiu completar a reviravolta, ficando pela prata.

Aos 25 anos, Rui Bragança, que trocou o V. Guimarães pelo Benfica após os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, é uma das grandes esperanças de Portugal para Tóquio-2020, tendo já no seu currículo uma medalha de ouro nos Jogos Europeus (2015, Baku) e outra no Campeonato da Europa (Montreux, 2016), além da prata do Mundial de 2011, em Gwangju, e do bronze no Europeu de 2014, em Baku. O estudante de medicina nascido em Guimarães já conquistou também várias medalhas no plano nacional e internacional, em Taças do Mundo.