Um recluso de 39 anos, que era procurado desde maio por não ter voltado de uma visita precária, foi encontrado por um guarda prisional da cadeia de Sintra num restaurante em Cascais, avançou o Correio da Manhã.

Segundo o jornal, o guarda estaria de folga na quarta-feira e foi jantar ao mesmo local que Mário Fernandes, acompanhado pela sua mulher e um filho menor. Depois de reparar na presença do agente, o recluso ainda tentou agredir o guarda, seguindo depois para Sintra, acompanhado de uma equipa da GNR.

O fugitivo está a cumprir dois anos de prisão por furtos. A pena pode ainda ser agravada por mais dois processos relacionados com o mesmo crime.