O piloto belga Stoffel Vandoorne vai deixar a McLaren no fim da temporada, anunciou hoje a escuderia britânica de Fórmula 1. Vandoorne, de 26 anos, ocupa o 16.º lugar da classificação de pilotos, com oito pontos, após 14 corridas, menos 36 do que o espanhol e seu companheiro de equipa Fernando Alonso, que vai ser substituído na McLaren pelo compatriota Carlos Sainz Jr.

O belga não pontua desde o Grande Prémio do Azerbaijão, a quarta prova da temporada (ficou em 9.º). Stoffel Vandoorne participou até agora em 35 corridas desde que ingressou na Fórmula 1 no início da última temporada, tendo como melhores classificações os sétimos lugares alcançados em Singapura e na Malásia, em 2017. Vandoorne faz parte dos quadros da McLaren desde 2013, ano em que se juntou ao programa de jovens pilotos da equipa.

“Estamos muito agradecidos ao Stoffel pela sua dedicação, trabalho árduo e empenho durante o tempo em que esteve na McLaren”, disse o CEO da equipa, Zak Brown, acrescentando ainda que o belga “é um piloto talentoso” e reconhecendo que a McLaren não deu um bom carro a Vandoorne: “Não demos ao Stoffel as ferramentas para ele mostrar o seu verdadeiro talento”. O piloto agradeceu à equipa a “fé” que teve nele “nos últimos cinco anos”.

Pouco tempo depois de anunciar a saída do belga, a McLaren confirmou que Lando Norris será o companheiro de Carlos Sainz. O britânico de 18 anos faz parte do programa de desenvolvimento de jovens pilotos da McLaren desde 2017 e é atualmente o segundo classificado do campeonato do mundo de Fórmula 2. Zak Brown diz que o jovem é um piloto “cheio de potencial”, considerando que Norris e Sainz formam uma “dupla impressionante”.