Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Madonna publicou um anúncio num website de ofertas de emprego para encontrar um chef de cozinha que possa estar em permanência nas suas residências de Lisboa, Londres e Nova Iorque — a cantora está disposta a pagar um salário anual que se situa entre os 96.000 e os 124.400 euros anuais, tal como foi publicado no Talent Private Staff.

Mas tem requisitos específicos: a cantora norte-americana quer um chef particular com experiência em refeições kosher, para si e para os seus filhos, e com disponibilidade para acompanhá-los nas viagens pelo mundo.

De acordo com o anúncio publicado no site especializado em recrutamento de pessoal para residências de milionários, a cantora de 60 anos gostaria que todas as suas refeições seguissem as “regras básicas” da culinária kosher, uma vez que a sua família é adepta deste tipo de dieta — Kosher é um termo hebraico que define pureza à luz das leis da Torá [o livro sagrado judaico], neste caso aplicável à alimentação.

O posto de trabalho é sedeado em Londres, na zona de Mayfair, mas quer Lisboa, quer a cidade de Nova Iorque são também referidas como possíveis bases para o chef privado que vier a ser contratado.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

As preferências gastronómicas de Madonna também são especificadas no anúncio: a cliente gosta alguns pratos de diferentes cozinhas: italiana, apontando o risotto como uma das suas comidas favoritas; asiática, como sushi ou sashimi; e pratos clássicos europeus e americanos (embora não especificados no anúncio).