Jair Bolsonaro, candidato do Partido Social Liberal (PSL), foi eleito presidente do Brasil. Entre os internautas pró-Bolsonaro, imagina-se um paraíso brasileiro, faz-se piada das causas feministas que apoiavam Haddad e agradece-se a Deus. Do outro lado da Internet, os apoiantes de Fernando Haddad dizem temer o futuro, escrevem que “o Brasil não aprende” e sugerem que Jesus tinha sido o primeiro comunista a dividir o pão por 13 pessoas — numa referência ao número do candidato do Partido dos Trabalhadores (PT).

Entre as criações mais marcantes dos apoiantes de Jair Bolsonaro está a ilustração de um homem vestido com as cores brasileiras e o punho levantado com a bandeira na mão. Nessa imagem, o homem é puxado para baixo por uma multidão e é atacado por uma faca ensanguentada, mas resiste aos esforços para o derrubar.

Já entre os memes de apoio a Haddad está a ilustração de um soldado com uma braçadeira nazi e o braço levantado como a saudação de Hitler. Esse soldado é pontapeado por uma sapatilha com as cores do arco-íris — semelhante à bandeira da comunidade LGBTQI — e derrubado por ela. Na descrição da imagem, a internauta que a publicou no Twitter escreveu: “Brasil, vocês não aprendem?”.

Veja os memes aqui em baixo.

Os memes pró-Bolsonaro

https://twitter.com/cezar_pn/status/1056656997049921536

Os memes pró-Haddad

View this post on Instagram

“Como seria a condição humana se não houvesse militantes? Não porque os militantes sejam perfeitos, porque tenham sempre a razão, porque sejam super-homens e não se equivoquem. Não é isso. É que os militantes não vem para buscar o seu, vem entregar a alma por um punhado de sonhos. Ao fim e ao cabo, o progresso da condição humana depende fundamentalmente de que exista gente que se sinta feliz em gastar sua vida a serviço do progresso humano. Ser militante não é carregar uma cruz de sacrifício. É viver a glória interior de lutar pela liberdade em seu sentido transcendente” Pepe Mujica. #mulherforte#haddad#manu#feministasistemica#mulherdemoto#feminilidade#mae#pai#educacaosistemica#psicanalista#psicanalise#ancestralidade#familia#paisefilhos#sororidade#grupo#masculinoefeminino#psicoterapias ➡️Siga @conversademulheres

A post shared by Marcia Lages (@marcialages) on