Volkswagen

VW corta preço do eléctrico e-up! em quase 4.000€

O construtor alemão, que até agora vendia o e-up! na Alemanha por 26.900€, retirou uma fatia de 3.925€ ao preço final. E Portugal promete tornar igualmente o modelo mais competitivo.

A Volkswagen é o construtor europeu que mais tem investido nos veículos eléctricos da nova geração, apesar de só prever começar a disponibilizá-los a partir do início de 2020. Até lá, oferece a sua gama actual, que consiste no e-up! e no e-Golf, que continuarão no mercado até surgir os elementos da gama I.D..

Para reforçar a competitividade do e-up!, modelo vincadamente citadino com um motor eléctrico com 82 cv de potência, alimentado por pequena bateria de 18,7 kWh que lhe assegura uma autonomia de 160 km (em ciclo NEDC), a Volkswagen decidiu torná-lo mais acessível. E ao preço até aqui em vigor no mercado alemão, de 26.900€, retirou 3.925€, o que coloca o veículo nos 22.975€, isto ainda antes de qualquer tipo de ajuda ou incentivos.

A proposta parece tentadora e terá a necessária correspondência no mercado português, onde tanto quanto o Observador conseguiu apurar, o pequeno e-up! passará em breve a apresentar um preço mais aliciante. Quanto ainda não é possível determinar, sendo certo que a versão eléctrica do mais pequeno dos Volkswagen será “fortemente reposicionada, apesar de não estar fechado o valor final”.

Quando os responsáveis da marca alemã resolveram anunciar o preço do futuro I.D., que se deverá chamar Neo, prometendo igualar o preço ao praticado pela versão diesel do Golf, à venda por 23.500€ (em Portugal abaixo dos 30.000€ devido ao IVA superior), esgrimiram um trunfo importante, que vai levar muitos potenciais compradores de veículos a bateria a esperar pela chegada do eléctrico alemão ao mercado.

Contudo, se o preço mais baixo vai obrigar a rever as estratégias dos concorrentes, especialmente dos que mais vendem, nomeadamente o Renault Zoe e o Nissan Leaf, propostos hoje por preços acima dos 32.000€, vai limitar da mesma forma o potencial comercial dos actuais Volkswagen eléctricos. E daí a redução do preço do e-up!, pois não seria expectável que um cliente ficasse indeciso entre o e-up! e o futuro I.D., maior, mais potente, com uma bateria de 48 kWh e uma autonomia de 500 km em NEDC, ou 330 km em WLTP.

Comparador de carros novos

Compare até quatro, de entre todos os carros disponíveis no mercado, lado a lado.

Comparador de carros novosExperimentar agora
Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: alavrador@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)