Assalto em Tancos

Tancos. Suspeita de terrorismo e crime organizado contraria declarações de Costa

280

A investigação do Ministério Público sobre Tancos, tendo em conta suspeitas de criminalidade organizada, contraria declarações de António Costa. Primeiro-ministro remete esclarecimentos para o SSI.

PAULO NOVAIS/EPA

Um inquérito, em segredo de justiça, relativo ao furto dos paióis em Tancos está a investigar “suspeitas da prática dos crimes de associação criminosa, tráfico de armas internacional e terrorismo internacional”, escreve esta quarta-feira o jornal Diário de Notícias. A investigação levada a cabo pelo Ministério Público, tendo em conta suspeitas de criminalidade organizada, contraria as declarações prestadas pelo primeiro-ministro na passada segunda-feira.

Em resposta a uma pergunta colocada durante a sessão pública relativa aos três anos de Governo, António Costa declarou: “(…) Logo no dia a seguir à constatação do furto, as autoridades nacionais e, em particular, a secretaria-geral do Sistema de Segurança Interna, reuniram a Unidade de Coordenação Antiterrorista que identificou que o furto nada tinha que ver com qualquer ligação a criminalidade organizada, muito menos a atividade de terrorismo”.

Esta terça-feira era notícia que, por decisão da ex-procuradora-geral da República, Joana Marques Vidal, o processo do furto de Tancos foi atribuído ao Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP), em coadjuvação com a PJ e a colaboração da PJ Militar, “dada a natureza e gravidade” dos crimes, tal como escreveu então a Lusa.

Em resposta ao DN, o gabinete de António Costa remeteu a declaração prestada para “citações de declarações públicas da secretária-geral do Sistema de Segurança Interna (SSI), autoridade em quem confia na informação que lhe é dada”.

O caso de Tancos já provocou a saída do ministro da Defesa, Azeredo Lopes, e do chefe do Estado-Maior do Exército, Rovisto Duarte, e algum incómodo nas relações entre a PJ e a PJM.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: acmarques@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)