CTT

Nacionalizar os CTT? Champalimaud, maior acionista, diz que é “impensável”

100

Manuel Champalimaud, presidente da Gestmin, a empresa com mais ações dos CTT, diz que "barulho" sobre nacionalização tem "intuitos eleitoralistas" e alerta para custos para os contribuintes.

A Gestmin é o maior acionista dos CTT, com 12,58% das ações

MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

O presidente da Gestmin, empresa que detém a maior fatia de ações dos CTT, disse ao Jornal de Negócios que a nacionalização dos correios é “impensável na Europa de que somos parte” e que “o barulho à volta da reversão tem intuitos eleitoralistas”.

Manuel Champalimaud rejeitou qualquer cenário que leve à nacionalização dos CTT, que foram privatizados em 2014 e dos quais a Gestmin é o maior acionista, com 12,58% das ações.

“Uma decisão desse tipo só poderia ser tomada num contexto revolucionário, impensável na Europa de que somos parte”, disse, acrescentando que “ainda nesse cenário impensável, os contribuintes seriam chamados a pagar, não só pela reversão, como pela operação que lhes caria nas mãos”.

Manuel Champalimaud referiu ainda que, apesar de este “barulho” ser “evidentemente nocivo para os acionistas” dos CTT, a aposta da Gestmin naquela empresa é um “investimento de longo prazo, porque acredita na sua sustentabilidade” e porque “como grupo português e investidor em Portugal, a Gestmin considera que é muito importante que exista um serviço postal universal no seu país”.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: jadias@observador.pt

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)