A HBO divulgou as primeiras imagens do documentário “Leaving Neverland” que conta a história de duas alegadas vítimas de abusos sexuais por parte de Michael Jackson. O filme estreia-se no dia 3 de março na recém-estreada HBO Portugal.

O documentário foi uma das estrelas do Festival de Sundance, onde se estreou no final de janeiro. O realizador, Dan Reed, diz que este é um documentário “não sobre Michael Jackson, mas sobre abusos sexuais e sobre a forma como acontecem e que consequências podem ter ao fim de alguns anos”.

Documentário sobre Michael Jackson e alegados abusos sexuais de menores vai estrear-se em Sundance

“Todos querem conhecer o Michael ou estar com o Michael e depois: ele gosta de ti”, começa por dizer Walter Robson, uma das alegadas vítimas retratadas neste documentário. Robson e James Safechuck, e as suas famílias, são os protagonistas deste documentário de 4 horas, que será apresentado em duas partes, no dia 3 e 4 de março.

O filme mostra uma parte da vida na propriedade de Michael Jackson, Neverland, onde “os dias estavam repletos de aventuras e experiências mágicas de infância: jogar à apanhada, comer junk food, tudo o que poderíamos querer enquanto crianças”, revela Safechuck no trailer agora divulgado.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Nestas imagens é também conhecido o momento em que Safechuck descobre o que estava a acontecer. “Ele disse-me que se alguém descobrisse o que estávamos a fazer, íamos para a prisão, ele e eu, o resto da vida”, revelou uma das duas vítimas retratadas.

Walter Robson foi, em 2005, protagonista de um julgamento mediático onde Michael Jackson era acusado de abusos sexuais e acabou ilibado. Robson diz agora que mentiu e quer “poder dizer a verdade tão alto como disse a mentira por tanto tempo”.

A família do cantor considerou este documentário um “linchamento público” e revelou-se furiosa por se ter “decidido acreditar na palavra de dois mentirosos comprovados ao invés da palavra de centenas de familiares e amigos de todo o mundo que passaram tempo com Michael, muitos em Neverland, e que viveram a sua amabilidade lendária e generosidade global”.

Michael Jackson. Família de cantor diz que novo documentário é “linchamento público”