Rádio Observador

NBA

“Decidi seguir o meu sonho”. Neemias Queta pode tornar-se o primeiro português na NBA já em junho

1.062

O jogador português de 19 anos declarou-se disponível para o draft da NBA de junho. Neemias Queta foi o melhor rookie da conferência Mountain West da temporada universitária de basquetebol nos EUA.

O draft da NBA está marcado para o próximo dia 20 de junho

Getty Images

Neemias Queta, que terminou no passado mês de março a primeira temporada a jogar basquetebol nos Estados Unidos da América, pode tornar-se no primeiro português a jogar na NBA já em junho. O jogador de 19 anos, que durante esta época representou os Utah State Aggies, declarou-se disponível para o draft da NBA e de acordo com a imprensa especializada tem grandes hipóteses de ser escolhido por uma das franquias logo nas primeiras rondas.

“Queridos Aggies, antes de mais, quero agradecer a todos vós pelo ano mais fantástico da minha vida. Ao ir de Portugal para o Utah com 19 anos nunca poderia esperar todas as coisas fantásticas que iriam acontecer durante o ano seguinte (…) depois de debater com a minha família e os meus treinadores, decidi seguir o meu sonho de jogar na NBA e vou declarar-me disponível para o draft de 2019 da NBA. Planeio contratar um agente com a intenção total de ficar no draft e garantir a minha elegibilidade caso queira voltar à escola”, escreveu Neemias Queta, no Twitter, onde agradeceu ainda “à família e aos amigos em Portugal” que o apoiaram “desde o primeiro dia”.

Natural do Barreiro, Neemias tornou-se este ano numa das figuras do National Collegiate Athletic Association (NCAA), o campeonato de basquetebol universitário dos Estados Unidos. O português foi eleito o melhor rookie da Conferência Mountain West, que os Aggies venceram, e foi ainda o melhor defesa da temporada. Com uma média de 11,8 pontos, 8,9 ressaltos e 1,6 assistências por jogo, Neemias Queta é para Jeremy Woo, da Sports Illustrated, uma “potencial escolha de primeira ronda” no draft marcado para o próximo dia 20 de junho. Nos Aggies, o jogador é colega de equipa do também português Diogo Brito, que já reagiu à decisão de Queta nas redes sociais. “Acho que vou chorar. Parte isso tudo, Quetão”, escreveu o base natural de Póvoa de Varzim.

Partilhe
Comente
Sugira
Proponha uma correção, sugira uma pista: mfernandes@observador.pt
Legislação

Menos forma, mais soluções /premium

Helena Garrido

É aflitivo ver-nos criar leis e mais leis sem nos focarmos nas soluções. A doentia tendência em catalogar tudo como sendo de esquerda ou de direita tem agravado esta incapacidade de resolver problemas

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

1
Registo
2
Pagamento
Sucesso

Detalhes da assinatura

Esta assinatura permite o acesso ilimitado a todos os artigos do Observador na Web e nas Apps. Os assinantes podem aceder aos artigos Premium utilizando até 3 dispositivos por utilizador.

Só mais um passo

Confirme a sua conta

Para completar o seu registo, confirme a sua conta clicando no link do email que acabámos de lhe enviar. (Pode fechar esta janela.)