O português Frederico Morais foi relegado esta terça-feira para a repescagem do Corona Open J-Bay, na África do Sul, da sexta etapa do circuito mundial de surf.

Depois de ter ficado no terceiro lugar do Oi Rio Pro, da quinta etapa, ‘Kikas’, 32.º do ‘ranking’ mundial, estreou-se no primeiro ‘heat’ da primeira ronda da competição sul-africana, na qual somou nove pontos (4 e 9), contra 12,03 do brasileiro Gabriel Medina e 10,57 do francês Joan Duro.

Esta é a terceira presença do surfista natural de Cascais no circuito de 2019, no qual é um dos suplentes, depois do terceiro lugar no Rio de Janeiro e do 33.º em Margaret River, na Austrália.

Em 2017, Frederico Morais chegou à final em Jeffreys Bay, tendo sido batido pelo brasileiro Filipe Toledo.