As sete startups que vão integrar o programa de aceleração da Farfetch já foram escolhidas pela plataforma de comércio online de moda de luxo. Na terceira edição do Dream Assembly vão participar as britânicas BECOCO e Personify XP, as americanas Brandpoint Analytics, Inline Digital e Mirow, a francesa Change of Paradigm e a portuguesa Springkode. A Burberry, parceira fundadora do programa, continua a fazer parte da terceira edição.

O programa foi lançado pelo primeiro unicórnio (empresa avaliada em mais de mil milhões de dólares) com ADN português em abril de 2018. O objetivo é apoiar, acelerar e dar mentoria às ideias mais promissoras, que podem revolucionar o setor da moda.

Com base em Lisboa, o programa de sete semanas inclui workshops, sessões individuais com líderes seniores da Farfetch e das empresas parceiras, e reuniões de mentoria. O Dream Assembly num dia de apresentações em Londres.  termina com um demo day em Londres.

Esta quarta-feira, o Conselho Britânico de Moda anunciou que o fundador e presidente executivo da Farfetch, José Neves, está nomeado pelo terceiro ano consecutivo para os prémios de moda britânicos, na categoria de Business Leader (líder de negócio, em português).

A 26 de setembro, soube-se que a empresa fundada por José Neves enfrenta uma ação coletiva de investidores nos Estados Unidos por alegadas violações da lei federal de valores mobiliários.  As queixas dizem respeito à possibilidade de a Farfetch ter prestado declarações falsas ou enganadoras aos investidores.

Os anúncios para cativar possíveis investidores queixosos começaram a ser publicados no início de agosto, após ter sido divulgado que a startup teve prejuízos de 89,6 milhões de dólares no segundo trimestre do ano.

O marketplace da Farfetch liga clientes em 190 países a produtos de mais de 1.100 marcas, boutiques e lojas departamento do mundo, em mais de 50 países As restantes unidades de negócio da empresa incluem a Farfetch Platform Solutions, que fornece serviços de e-commerce e soluções de tecnologia, a Browns e a Stadium Goods, que oferecem aos consumidores produtos de luxo.