A dupla responsável pela série “Guerra dos Tronos”, David Benioff e D.B. Weiss, anunciou esta semana que tinha abandonado a trilogia “Guerra das Estrelas” para se dedicarem aos projetos da Netflix em que estão a trabalhar. Os guionistas norte-americanos tinham sido escolhidos para escreverem uma nova trilogia para ser lançada em 2022 e que, segundo revelou a Variety esta quarta-feira, se iria afastar da história dos Skywalker e seguir uma nova direção.

A intenção original de Benioff e Weiss seria explorar as origens dos jedi, uma ideia que não terá deixado os responsáveis na Lucasfilm, a antiga produtora de George Lucas que foi adquirida pela Disney em 2012, muito entusiasmados. As divergências terão piorado quando, neste verão, surgiram notícias de que os criadores da “Guerra dos Tronos” tinham assinado um contrato milionário com a Netflix. Ainda não foram divulgadas informações sobre as produções em que Benioff e Weiss estarão envolvidos.

Num comunicado emitido após o anúncio do afastamento dos guionistas, Kathleen Kennedy, presidente da Lucasfilm, disse esperar incluir os dois escritores “na viagem mais à frente”, quando puderem “afastar-se da sua ocupada agenda para se concentrarem na ‘Guerra dos Tronos'”. “David Benioff e Dan Weiss são narradores incríveis”, declarou.

O terceiro e último filme da mais recente trilogia da “Guerra das Estrelas”, “Star Wars: A Ascensão de Skywalker”, tem estreia marcada para 19 de dezembro. O episódio final foi realizado por J.J. Abrams, responsável por “O Despertar da Força”, filme que inaugurou a nova trilogia, em 2015.