Ken Block é um mestre do drift, onde a espectacularidade, o equilíbrio e a capacidade de conduzir completamente atravessado a milímetros dos obstáculos, ou dos precipícios, é a sua imagem de marca. Habituados a ver (e admirar) os seus vídeos Gymkhana e Climbkhana, devemos confessar que até ficámos de água na boca ao saber que este piloto, que chegou a realizar uma incursão (não com muito sucesso) no Campeonato do Mundo de Ralis, realizou um vídeo aos comandos do novo Ford Mustang Mach-E. Mas foi um vídeo diferente.

Os veículos que Block conduz e com os quais realiza acrobacias que fazem as delícias de quem gosta destas “coisas” estão longe de ser carros normais. E mesmo os modelos de competição a que deita mão são alterados para colocar mais potência atrás, porque no drift é esse o truque.

A última “loucura” de Ken Block até mete medo

Porém, no caso do SUV eléctrico da Ford, o problema não é a falta de potência, uma vez que a versão GT Performance do Mach-E tem quase 500 cv. Muito para um condutor normal, mas pouco para Ken Block, mais habituado a pilotar brinquedos em torno dos 1.000 cv. Mas a maior limitação do Mustang Mach-E é não dispor ainda de versão Drift, ao contrário do Tesla Model 3 Performance, o que lhe permite atravessar-se em aceleração. O melhor é ver o vídeo do mais civilizado Ken Block:

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Agora compare com estes vídeos de Block, as tradicionais Gymkhana, que aqui surgem nos episódios considerados os melhores e mais espectaculares, por ordem crescente: