Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

“Não será a minha cadeira de sonho porque o FC Porto é mais que um sonho, é real! O meu amor ao clube não chega, mas aliado à competência daqueles, que comigo estão neste desígnio, sei que darão de alma e coração a sua total entrega ao clube que tanto amamos, FC Porto!”. É desta forma que Nuno Lobo, de 50 anos, empresário do ramo da restauração, se apresenta no site oficial da candidatura da lista B à liderança dos dragões. Objetivo? Dar continuidade à parte boa de Pinto da Costa invertendo a parte má de Pinto da Costa. Caminho? Ser terrível como era Pinto da Costa, “o dobro ou triplo do que ele foi” como destacou numa entrevista à Lusa.

Panfletos de avião “Pela decência”, Madjer, a promessa Dalgish e uma entrevista ao Semanário: as outras eleições de Pinto da Costa

Este artigo é exclusivo para os nossos assinantes: assine agora e beneficie de leitura ilimitada e outras vantagens. Caso já seja assinante inicie aqui a sua sessão. Se pensa que esta mensagem está em erro, contacte o nosso apoio a cliente.