A Associação Empresarial Ourém-Fátima (ACISO) anunciou esta quarta-feira que a venda do terço comemorativo do centenário das “Aparições de Fátima” permitiu angariar quase 600 mil euros para uma instituição local.

A presidente da ACISO, Purificação Reis, informou que, até ao momento, foram vendidos 580.660 exemplares desse terço, lançado em 2017 e ainda no mercado, no âmbito de uma iniciativa da associação empresarial em parceria com entidades locais.

Por cada unidade vendida, a 12 euros, um euro destina-se a apoiar a construção de um lar para pessoas com deficiência do Centro de Reabilitação e Integração de Fátima (CRIF), no concelho de Ourém, distrito de Santarém.

Purificação Reis fez esta revelação na cerimónia de apresentação da estatueta comemorativa do centenário da escultura da Senhora de Fátima, que será lançada no mercado, na quinta-feira, com uma edição limitada de 25 mil exemplares e também com uma componente solidária.

No Centro Pastoral Paulo VI, em Fátima, a dirigente disse que a imagem será comercializada por 25 euros, revertendo por cada unidade um euro para apoio a crianças e jovens residentes no Centro de Ação Social do Santuário de Fátima – Casa São Miguel.

Entretanto, uma fonte da ACISO disse à agência Lusa que, pela venda do terço comemorativo, cerca de 26 mil euros já foram entregues ao CRIF, para cobrir encargos iniciais do projeto de construção do lar residencial.