354kWh poupados com o Logótipo da MEO Energia Logótipo da MEO Energia
i

A opção Dark Mode permite-lhe poupar até 30% de bateria.

Reduza a sua pegada ecológica. Saiba mais

Logótipo da MEO Energia

Poupe na sua eletricidade com o MEO Energia. Simule aqui.

Metade dos novos infetados são pessoas entre os 10 a 29 anos

Portugal registou mais 2.676 novos casos de infeção pelo coronavírus e oito mortes provocadas pela Covid-19. Uma das vítimas mortais era um homem na casa dos 30 anos. Há 681 internados.

Este é o sábado com mais novos casos do mês de agosto
i

Este é o sábado com mais novos casos do mês de agosto

Corbis via Getty Images

Este é o sábado com mais novos casos do mês de agosto

Corbis via Getty Images

Tem acesso livre a todos os artigos do Observador por ser nosso assinante.

Quase metade dos novos casos são indivíduos com 10 a 29 anos, sendo que a maioria está na casa dos 20 anos (738) e 562 tem entre 10 e 19 anos. No sentido contrário estão as pessoas mais idosas, entre as quais se têm registado menos casos (embora sejam elas as que mais morrem por causa da Covid-19): 76 casos com 70-79 anos, 101 casos com 80 anos ou mais e 133 com 60-69 anos.

Portugal registou mais 2.676 novos infetados de infeção pelo coronavírus e oito mortes provocadas pela Covid-19, indica o relatório da Direção-Geral da Saúde (DGS). É o número mais baixo de óbitos deste mês até ao momento, a par do dia 1 de agosto, mas é o sábado com mais novos casos registados.

O número de pessoas internadas por complicações associadas à Covid-19 diminuiu para 681, menos seis que na sexta-feira passada (é o quinto dia consecutivo de queda), mas são mais dois os doentes internados nas unidades de cuidados intensivos, elevado o número para 145.

Seis das mortes registadas nas últimas 24 horas ocorreram na região de Lisboa e Vale do Tejo, enquanto as outras duas foram anunciadas no Norte. Seis das vítimas eram do sexo masculino e duas do sexo feminino. A vítima mais jovem era um homem com entre 30 e 39 anos. Registaram-se quatro vítimas mortais com 80 anos ou mais, duas na faixa etária dos 70 anos e uma com 60 a 69 anos.

A região com mais novos casos é o Norte com mais 911 infetados, seguindo-se Lisboa e Vale do Tejo com mais 885. A região Centro está abaixo da metade desse número, com 410 novos casos. Seguem-se o Algarve (232 casos) e o Alentejo (138 casos). Os territórios insulares são os que menos contribuem para o número total de novos infetados: 52 na Madeira e 48 nos Açores.

Quanto à divisão por faixas etárias, as crianças até aos nove anos registaram 151 novos casos. Entre os 30 e os 39 anos houve 389 casos, seguindo-se a faixa etária dos 40 anos (275 casos) e a dos 50 anos (251 casos). Apesar da discrepância de óbitos entre os sexos, o número de casos foi equilibrado: 1.293 homens e 1.381 mulheres. Há dois indivíduos sobre os quais as autoridades de saúde desconhecem o sexo.

Nas últimas 24 horas, 2.996 pessoas foram dadas como recuperadas pelas autoridades de saúde. O balanço é, assim, de 44.588 casos ativos, menos 328 que na atualização da última sexta-feira.

Segundo as últimas contas das autoridades de saúde, o rácio de transmissibilidade R(t) nacional e continental localizava-se em 0,98. A incidência nacional é de 312,3 casos em 14 dias por 100 mil habitantes. Sobe ligeiramente, para 316,6 casos, se nos concentrarmos apenas no continente.

A página está a demorar muito tempo.