A internet e as redes sociais estimulam as crianças a pesquisar, a conhecer e a desenvolver a criatividade. No entanto, por vezes, ocorrem situações constrangedores e prejudiciais, isto é, a exposição por vezes incorre em casos de assédio.

A pensar na segurança das crianças e no descanso dos pais, um grupo de investigadores noruegueses criou uma aplicação chamada Kuddle, que não é nada mais do que uma rede social especialmente desenhada para crianças e inspirada no Instagram, ainda que qualquer pessoa se possa inscrever.

O intuito desta rede social é evitar casos de assédio sexual virtual e ensinar o modelos corretos de navegação na internet aos mais novos.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

A aplicação foi lançada este mês de agosto e está disponível em nove idiomas. Para já, a maioria dos utilizadores é composta por noruegueses e americanos embora a Índia e a Arábia Saudita comecem a aderir a esta rede social. Descarregar a Kuddle é gratuito e está disponível para iOS  e Android.

Mas agora pergunta: Como é feito o controlo?

Em primeiro lugar, para que uma criança com menos de 13 anos se consiga inscrever na Kuddle é sempre necessário que seja cedido um email de alguém maior de 18 anos que ficará responsável por ativar a conta e de controlar o que a criança deseja publicar. Da mesma forma, é esse tutor que pode adicionar e eliminar amigos para que, por um lado, a criança não possa aceitar a amizade de qualquer um ou, por outro, bloqueie alguém voluntariamente, prevenindo assim, como se pode ler no site da aplicação, a exclusão.

Outro ponto fulcral das funcionalidades desta rede social é que os “gostos” são anónimos para evitar concursos de popularidade e não é permitido comentar as fotografias partilhadas, apenas legendá-las, isto para evitar o cyber-bullying. 

Mas as novidades não se esgotam aqui. Nunca ninguém saberá onde se encontram os utilizadores, pois a possibilidade de localização geográfica está desativada, assim como não é possível etiquetar ninguém nas fotografias e, antes de as crianças publicarem fotografia, estas estão sujeitas a perguntas de controlo de segurança.

A Kuddle promete ser uma rede social além de segura, didática, dado que as crianças podem editar e partilhar fotografias do que mais gostam, do que aprendem, do que descobrem e ensinarem umas às outras de uma forma segura.