Durante a semana Mark Bustos trabalha num salão de luxo em Nova Iorque. Mas é ao domingo, no único dia de folga, que o barbeiro sai para as ruas da cidade com uma missão entre mãos: cortar o cabelo (e, quando necessário, a barba) a sem-abrigo. Fá-lo desde maio de 2012 mas só agora o seu nome anda nas bocas do mundo, depois de uma entrevista ao Huffington Post.

mark bustos 6

Mark Bustos Instagram

Para Mark Bustos, que trabalha na área desde que é adolescente — aos 14 anos estilizava cabelos de desconhecidos a partir da garagem dos pais — esta é uma forma de contribuir numa cidade com mais de 60 mil pessoas sem casa, recorda o Telegraph.

Mark Bustos 3

Mark Bustos Instagram

Quando na rua, a abordagem é sempre a mesma. Bustos aproxima-se de uma pessoa, a quem diz “Hoje quero fazer alguma coisa simpática por si”. Caso o interesse seja mútuo, o barbeiro oferece os seus serviços. Chega a cortar o cabelo a seis pessoas a cada domingo, cujas imagens são posteriormente publicadas na conta de Instagram (contam-se mais de 110 mil seguidores).

Mark Bustos 2

Mark Bustos Instagram

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Tudo começou com uma viagem às Filipinas, a qual proporcionou o reencontro entre Bustos e alguns familiares. Na estadia além das fronteiras norte-americanas, o hair stylist optou por alugar uma cadeira a um proprietário de uma barbearia. O objetivo? Ajudar crianças desfavorecidas ao dar-lhes novos visuais. Ao Huffington Post contou que o sentimento foi de tal modo gratificante que decidiu trazer o conceito para casa.

Mark Bustos 4

Mark Bustos Instagram

Assim, uma vez por semana, o barbeiro exercita a sua arte um pouco por toda a cidade de Nova Iorque e faz-se acompanhar, em muitas das vezes, pela namorada. Ainda assim, Bustos já cortou o cabelo a pessoas carenciadas na Jamaica, na Costa Rica e em Los Angeles.

Mark Bustos 5

Mark Bustos Instagram

E porque continua a fazê-lo a troco de nada? “Todas as vidas humanas valem o mesmo, todos nós merecemos uma segunda hipótese”, pode-se ler na legenda de umas das fotografias publicadas na respetiva rede social.