Em 2010, o New York Times dizia, num artigo de promoção à região, que Christian Louboutin se tinha rendido ao encanto da Comporta, o destino de férias “secreto” do designer francês mundialmente conhecido pelos sapatos de sola vermelha. De lá para cá, o afamado apelido tem estado associado aos quilómetros de praias desertas, florestas de pinheiros mansos e até campos de arroz. Por isso, também em 2014 o estilista de 50 anos optou por aquele que, segundo a Condé Nast Traveler, é o “tesouro escondido da Europa”.

Diana de Cadaval

Diana de Cavadal Instagram

O designer de sapatos foi fotografado pela princesa d’Orléans, Diana — mulher do príncipe Charles-Phillippe e duquesa de Cadaval — na companhia da irmã, Alexandra. A prova está na conta de Instagram da duquesa, onde a imagem foi publicada este sábado com a legenda “adivinhem quem é?”. Os dois intervenientes do retrato surgem sentados em sofás coloridos e com um ar descontraído. Mas, na respetiva rede social, é possível ver mais imagens referentes à Comporta, incluindo uma que mostra o lugar de descanso eleito em mais pormenor e na qual Diana de Cadaval escreveu “África na Comporta…”.

Diana de Cadaval Instagram

Diana de Cadaval Instagram

Mas a ligação de Christian Louboutin à terra na região alentejana não é nova e já antes deu frutos. Em 2013, este escolheu o cais palafítico da Carrasqueira enquanto cenário para fotografar a coleção primavera/verão desse ano. A informação foi avançada pela Herdade da Comporta, cujo texto recordava que Louboutin tem uma casa de férias no destino. “Qualquer mulher pode pescar um homem bonito quando calça uns sapatos Louboutin”, dizia, então, o estilista. A coleção inspirou-se no surrealismo do artista belga René Magritte e as fotografias tiveram o cunho de Peter Lippmann.

CL Facebook 2

Louboutin Facebook Oficial