Pelo menos duas pessoas morreram numa série de explosões no domingo na região de Xinjiang, oeste da China, revelou a imprensa estatal. O número de feridos é indeterminado, os quais foram transportados para hospitais da zona.

A região de Xinjiang é palco frequente de violência étnica perpetrada pela maioria uigure contra o que dizem ser a ocupação chinesa da região.

Segundo a imprensa estatal as explosões tiveram lugar no condado de Luntai, em Xinjinag, pelas 17:00 locais (10:00 em Lisboa).

De acordo com o portal de notícias Tianshan, citado pelo diário South China Morning Post, de Hong Kong, o ataque surge como algo coordenado.

O mesmo portal sublinha, contudo, que a ordem pública não foi afetada e nenhum acontecimento de protesto ou violência foi registado posteriormente às explosões.