“It is happening again”. Em 2016, regressamos a Twin Peaks. A icónica série do início dos anos 1990 vai ter nove episódios inéditos no próximo ano, exibidos pela cadeia de televisão norte-americana Showtime. Os novos episódios serão escritos pela dupla original de Twin Peaks, Mark Frost e David Lynch – e caberá a este último a tarefa de realização. Foi o próprio Lynch que anunciou no Twitter que a série ia regressar, confirmando os rumores que já circulavam na blogosfera.

Apesar de virem aí nove novos episódios, o produtor Mark Frost não considera que eles sejam, por si só, uma nova temporada da série. Mesmo que esses episódios tenham lugar no presente e visem dar respostas às muitas perguntas que ficaram por responder em 1991, quando a série acabou. “Sempre disse que Twin Peaks era para mim como uma novela de que filmávamos cada página. Agora é como se tivéssemos encontrado outro volume e queremos dar-lhe vida também”, disse Frost numa entrevista já esta segunda-feira.

“Quem matou Laura Palmer?” era a pergunta que andava nas bocas de milhões de fãs de Twin Peaks no início da última década do século XX. A pergunta até teve uma resposta, mas muitas outras dúvidas ficaram por esclarecer. “Vemo-nos daqui a 25 anos”, disse, no último episódio exibido, em 1991, Laura Palmer (personagem interpretada por Sheryl Lee, que morreu logo no primeiro episódio da série) ao agente do FBI Dale Cooper, chamado à pequena e misteriosa vila do estado norte-americano de Washington para investigar a morte da loira.

Em 2016 assinalam-se os 25 anos de Twin Peaks, o que é lembrado no vídeo partilhado por David Lynch no seu Twitter. Questionado sobre se era ou não coincidência o facto de a série regressar exatamente 25 anos depois, como Laura Palmer previra, Mark Frost respondeu: “Quando virem [os episódios], saberão”.

Enquanto os novos episódios não chegam, o fim do vídeo que Lynch publicou traz à memória dos fãs a famosa música do genérico da série, Falling, de Julee Cruise.