O vice-governador da província de Kandahar, no sul do Afeganistão, foi morto este sábado num tiroteio.

O vice-governador, Abdul Qadim Patyal, foi morto quando assistia a um aula na universidade local e um atirador abriu fogo através de uma janela, disse à agência noticiosa AFP, Tawab Ghorzang, funcionário do Governo local.

De acordo com a mesma fonte, Patyal foi ainda transportado para o hospital, onde morreu devido aos ferimentos.

A morte do vice-governador foi confirmada pelo Hospital Mirwais, em Kandahar.

O atentado não foi reivindicado. O último atentado político registado na província de Kandahar, berço dos Taliban, foi no dia 29 de julho, quando Hashmat Karzai, primo do ex-Presidente afegão Hamid Karzai, foi assassinado na sua residência por um bombista suicida.