A greve dos enfermeiros, em protesto pelos cortes salariais, que começou às 00:00 de hoje, registou uma adesão de 80% durante o turno da noite, disse à agência Lusa uma fonte sindical.

“A adesão no turno da noite (00:00 às 08:00) foi de 80%, o que significa que, à semelhança da semana passada, os enfermeiros continuam a demonstrar ao Governo que estão insatisfeitos com aquilo que tem sido o posicionamento”, disse à agência Lusa Guadalupe Simões, do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP).

Guadalupe Simões adiantou à Lusa que o SEP espera que o número de adesão (80%) se mantenha ou possa aumentar nos turnos da manhã e tarde.

Os enfermeiros cumprem desde as 00:00 de hoje uma greve nacional de 24 horas em protesto pelos cortes salariais no trabalho extraordinário, exigindo a progressão na carreira e a reposição das 35 horas de trabalho semanais.