As ações da Mota-Engil África começam a ser negociadas na bolsa de Amsterdão na segunda-feira, pelas 09h:00 locais, com um preço fixado em 11,50 euros por ação, comunicou hoje a empresa. De acordo com a informação enviada à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), entretanto divulgada, a Mota-Engil informa ainda que “o prospeto em língua inglesa foi hoje aprovado pelo regulador holandês (Stichting Autoriteit Financiële Markten)”, encontrando-se já em consulta pública.

Na assembleia-geral da Mota-Engil de 27 de dezembro de 2013 foi distribuído aos acionistas da Mota-Engil SGPS 20% do capital da Mota-Engil África, tendo este dividendo ficado condicionado à cotação desta subsidiária numa bolsa europeia.

“O que se tentou em julho foi fazer isso em conjunto com o IPO (Oferta Pública Inicial) da Mota-Engil África mas, não tendo sido possível nessa altura, há sempre uma outra solução que é numa bolsa europeia cotar a Mota-Engil África só com a distribuição de dividendos”, explicou recentemente à Lusa o presidente do grupo, António Mota. Assim, nesta fase, a Mota-Engil África será detida a 80% pela Mota-Engil SGPS e com 20% (do capital) distribuído pelos acionistas da Mota-Engil que tiveram direito a este dividendo.