Se quiser seguir melhor as suas contas com as Finanças pode ir agora ao Portal renovado. O Ministério das Finanças lançou a nova versão do Portal das Finanças onde separa a parte que diz respeito ao IRS de tudo o resto. O objetivo, dizem, é para evitar os bloqueios do site na altura da entrega das declarações eletrónicas.

Através do novo espaço das Finanças dedicado ao IRS, os contribuintes poderão controlar por mês as faturas que estão a ser registadas para contarem nas deduções do cálculo do imposto.

image-2_770x433_acf_cropped

Mas só entram as faturas que tenham número de contribuinte. Tudo por causa das novas regras do imposto aprovadas para este ano. Para as novas contas do IRS vão contar todas as despesas, desde que tenham o número de contribuinte associado.

Com a separação da parte respeitante ao IRS, os responsáveis das Finanças esperam evitar os bloqueios que aconteciam no site durante o período de entrega da declarações eletrónicas. Além da parte do IRS, há também um acesso isolado para os técnicos oficiais de contas.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Depois da reforma do IRS, a maioria das famílias deverá beneficiar de taxas de retenção na fonte mais baixas em 2015, podendo ainda ter um aumento dos reembolsos de IRS em 2016, segundo a PricewaterhouseCoopers.