O turista chinês gastou 935 euros em Portugal em média por compra no ano passado, um valor 3,2 vezes acima do da compra média dos turistas angolanos, liderando a lista, divulgou nesta quarta-feira a Global Blue, especialista mundial em turismo de compras. “Em Portugal, o turista de compras chinês já está no top dos clientes que mais valor tem despendido por compra”, refere a Global Blue em comunicado, adiantando que o valor de compra realizado pelos chineses no ano passado ficou ainda “4,2 vezes acima do valor médio gasto pelos turistas russos”. E acrescenta que o “consumo dos turistas chineses é o que mais tem crescido em Portugal”.

Segundo a empresa especialista em turismo de compras em termos globais “está a confirmar-se a prevalência do crescimento de compras tax free graças aos turistas chineses que, pelo sétimo ano consecutivo, são os compradores globais que mais gastam, com uma despesa média de 736 euros por transação”, refere o presidente executivo da Global Blue, David Baxby.

Em termos globais, os turistas chineses continuam a ser os maiores compradores, ao gastarem mais de 18% em tax free shopping no ano passado, quando comparado com 2013. Os compradores globais chineses representam quase um terço (30%) de todos os gastos de compras tax free, seguido dos russos, (14%), Estados Unidos (4%), Indonésia (3%) e Japão (2%).