Belle Gibson, blogger de saúde celebrizada por ter anunciado nas redes sociais que se curou de um cancro cerebral maligno ignorando métodos médicos convencionais e comendo apenas comida saudável durante quatro anos, confessou, numa entrevista à Women’s Weekly australiana, que nunca teve cancro e que as histórias do seu livro The Whole Pantry foram todas fabricadas.

“Não, nada do que disse é verdade. Eu não quero perdão, apenas achei que confessar [a mentira] é a coisa mais responsável a fazer. Acima de tudo, eu quero que as digam ‘Ok, ela é apenas humana’,” disse Gibson à Women’s Weekly australiana.  

Gibson acredita que a sua “infância complicada” pode ter sido a razão que a levou a mentir, mas não encontra um argumento concreto.

“Eu acho que a minha vida tem tantas complexidades que é mais fácil assumir. Se não tenho uma razão, então teorizo para mim mesma e encontro uma,” acrescentou a jovem blogger que sublinha que teve que crescer sozinha desde os 5 anos.

“Era minha a responsabilidade de ir à mercearia, lavar a roupa, marcar consultas de médico e ir buscar o meu irmão. Eu não tinha brinquedos,” desabafa. Apesar da Women’s Weekly australiana especular de Gibson pode sofrer do síndrome de Munchausen, condição psicológica onde o doente precisa de chamar constantemente à atenção, nenhuma razão óbvia para ela ter mentido foi apresentada.

Tudo começou em 2013, após anunciar nas redes sociais o milagre da comida saudável no tratamento de um cancro cerebral terminal. Para os mais de 200.000 seguidores no Instagram, a aplicação “The Whole Pastry” foi um sucesso e o livro homónimo tornou-se num best-seller. Ela, além disso, prometeu doar um quarto das receitas da aplicação e do livro a várias instituições de apoio a vítimas de cancro.

Apesar de só agora o ter assumido, há muito que se suspeitava da falsidade desta história. Em março de 2015, algumas das instituições indicadas por Gibson revelaram que nunca receberam nenhum do dinheiro prometido e as vendas da aplicação começaram a diminuir drasticamente.

 

https://www.youtube.com/watch?v=ud3BY6Yym4Y

De acordo com o Telegraph, algumas pessoas que a confrontavam sentiram que “ela tentava sempre mudar o tópico e não deixava ninguém abordar o assunto”.

“Ela afirmava que estava a fazer o tratamento enquanto estava grávida da Ollie mas nenhum médico trataria uma mulher grávida,” acrescentaram as fontes do Telegraph, que sublinha que eram diversas as incongruências nas histórias da blogger. Mal as suspeitas começaram a crescer, Gibson eliminou todos os posts e fotografias que faziam referência ao alegado cancro.

Muitos não acreditaram na historia, mas Belle usava o Twitter para responder às denúncias.

https://twitter.com/TheWholePantry/status/591074210413318146

“Nos últimos dois anos tenho trabalhado todos os dias para criar uma comunidade online de pessoas que se ajudariam umas às outras. Compreendo a confusão e a suspeita, sei que as pessoas precisam de ter um certo nível de respeito e humildade – mas não tenho sentido isso,” disse Gibson na entrevista à Women’s Weekly australiana, onde fez a confissão.

Esta confissão tem chocado o público, que tem reagido com pouca simpatia.  

https://twitter.com/kirvo27/status/591147038739341312

https://twitter.com/athleteaesthete/status/591134050615595008