A mulher de 54 anos sofria de uma doença respiratória e pressão arterial alta antes de contrair o coronavírus, informou o Ministério da Saúde. As autoridades confirmaram também oito novos casos de contágio, elevando o total para 162. Destes, 90% sofriam previamente de problemas de saúde graves, assegura o ministério.

Quatro dos oito novos casos registaram-se no Centro Médico Samsung, em Seul, o epicentro do surto, onde quase 80 pacientes, visitantes e pessoal médico contraíram o coronavírus.

Um total de 124 pacientes contagiados com o novo coronavírus permanece hospitalizado e 6.508 estão de quarentena.

Não há ainda tratamento para a Síndrome Respiratória do Médio Oriente, cuja taxa de mortalidade é de 35%, de acordo com a Organização Mundial de Saúde. Na Arábia Saudita, mais de 950 pessoas foram infetadas e 412 morreram devido ao MERS.