20 de agosto será o segundo dia do Vodafone Paredes de Coura 2015 e o primeiro a funcionar a todo o gás, já com o palco Vodafone FM em pleno (no dia anterior apenas o palco principal estará preenchido). A principal atração vem de muito longe, de Perth na Austrália: os Tame Impala são o projeto de Kevin Parker e trazem na bagagem o novo “Currents”. Construíram fama mundial a fazer rock psicadélico mas desengane-se quem achar que este disco segue o mesmo caminho. “Currents” é uma viragem (brilhante) para a pop alternativa e tem uma mão cheia de singles de encher o ouvido. Oiça o disco antes do espetáculo, várias vezes. Vamos esperar que a apresentação ao vivo faça jus a um dos álbuns mais luminosos de 2015.

Antes atua o português The Legendary Tigerman, que ainda anda na estrada com o último “True” (2014). Paulo Furtado regressa à praia do Taboão e merece o palco principal, onde antes atua o ex-baterista dos Fleet Foxes, Father John Misty. O norte-americano Joshua Tillman tem um novo disco chamado “I Love You, Honeybear”, feito de folk sem papas na língua e com apontamentos de rock e eletrónica. A Sub Pop disponibilizou o álbum na íntegra aqui.

O final da tarde vai ser macio. O palco Vodafone recebe o norte-americano Steve Gunn, guitarrista que acompanhou Kurt Ville e que publicou este ano o EP “Seasonal Hire” com os The Black Twig Pickers. Oiça aqui um excerto da country folk do músico de Brooklyn (EUA). A abrir o palco principal, às 18h30, estarão os bracarenses Peixe:Avião, indie rock da melhor cepa. O público português já os conhece bem e o espanhol será conquistado (espera-se, como todos os anos, uma grande afluência dos vizinhos galegos). A paisagem será mais ou menos esta.

E é precisamente de Espanha que vão chegar as Hinds, banda de Madrid que vai inaugurar o palco secundário — Vodafone FM. Ainda não têm nenhum álbum editado (está previsto para o final do ano) mas fazem garage rock que já mereceu os aplausos de alguma da crítica especializada. Este novo vídeo foi publicado hoje:

Uma hora mais tarde atuam os Pond, banda australiana que partilha um dos membros de palco com os Tame Impala (o baterista Jay Watson) — que atuam horas mais tarde no palco principal. Mais rock psicadélico logo a seguir mas made in LA, com os White Fence. Depois, os dinamarqueses Iceage encerram (22h25) com punk rock as atuações do Vodafone FM, onde mais tarde, já nas After Hours, se apresentam os Mirror People, a viagem paralela de Rui Maia dos X-Wife (que atuam no dia 21). Já de madrugada, o ator e DJ Nuno Lopes encerra o segundo dia do festival.

Para o fim deixamos uma boa (e má) notícia: os passes gerais para o Vodafone Paredes de Coura 2015 estão esgotados.