“Há quase três anos adotei uma cadelinha e rapidamente reparei na sua incrível habilidade de fazer expressões faciais quase humanas. Mas e o contrário?” É assim que a fotógrafa Ines Opifanti relata ao site Bored Panda a origem de “Dog Faces”, um projeto lançado num grupo no Facebook que deu origem a várias sessões fotográficas com cães e os seus donos. Com uma particularidade: em “Dog People”, os donos tentam imitar as expressões dos seus amigos quadrúpedes.

As relações de semelhança entre cães e donos têm sido objeto de estudo ao longo dos anos, sendo que uma das conclusões mais difundidas dá conta de que as “pessoas de cães” tendem a escolher animais parecidos consigo (ler aqui, por exemplo). Mas neste caso Ines Opifanti deu um passo em frente: nos donos que fotografou não bastavam parecenças. Todos tiveram que imitar as expressões dos animais, que foram fotografados em primeiro lugar.

O resultado, que acima pode explorar parcialmente, pode ser visto no portfólio online da fotografa alemã.