A startup francesa BlaBlaCar angariou 200 milhões de dólares (cerca de 177 milhões de euros) numa ronda de investimento liderada pelas capitais de risco Insight Venture Partners e Lead Edge Capital, com a participação da Vostok New Ventures, informou a empresa esta quinta-feira em comunicado.

A empresa de partilha de viagens de carro, para percursos de longa distância, foi lançada em 2006 por Nicolas Brusson, Francis Nappez, Frédéric Mazzella e, até à data, recebeu mais de 300 milhões de dólares de investimento. A ronda de Série D surgiu para “responder à necessidade de crescimento acelerado” que a empresa está a ter nos mercados onde já opera e para ter “um arranque fenomenal” nos mercados em que pretende entrar.

“A ronda de financiamento torna a BlaBlaCar numa das startups mais bem financiadas da Europa, com mais de 300 milhões de dólares de financiamento até à data”, lê-se no comunicado enviado às redações.

A BlaBlaCar está presente em 19 países, incluindo Portugal, e tem mais de 20 milhões de membros no mundo, que utilizam este serviço para dividir despesas de deslocação entre duas cidades. E assim poupar dinheiro.

Em Portugal desde outubro de 2012, a BlaBlaCar não avança com números de utilizadores no país, mas diz que já tem uma “comunidade de vários milhares de pessoas” e que tem registado “um crescimento contínuo e sustentado, que é potenciado em momentos como férias (Páscoa, Natal) ou grandes eventos (festivais de música)”.

As viagens que os utilizadores portugueses mais dividem são entre Lisboa e Porto, Lisboa e Madrid, e Lisboa e Coimbra. Os preços são variáveis, mas uma viagem entre a capital e a Invicta pode ficar, por exemplo, a 12 euros por pessoa.

“Construímos uma atividade única, baseada nos valores da verdadeira partilha e este financiamento vai ajudar a libertar o seu potencial ainda mais nos próximos anos”, referiu o fundador Frédéric Mazzella.

Em julho de 2014, a BlaBlaCar angariou 100 milhões de dólares e expandiu a sua atividade para sete novos países de tres continentes, que incluiram Turquia, Índia e México.  Além disso, comprou  três empresas na Alemanha, México e Europa Oriental, com destaque para a aquisição do serviço de partilha de viagens de carro carpooling.com.

Com olhos postos no Brasil, Ásia e noutros mercados da América Latina, o investimento vai servir para suportar a expansão internacional da empresa.

“Com este investimento adicional, seremos capazes de acelerar o nosso crescimento em mercados novos e em mercados já estabelecidos, continuando a construir a maior comunidade do mundo de transporte operado pelas pessoas. Este financiamento é um passo significativo no sentido de transformar a mobilidade a uma escala global”, afirmou Nicolas Brusson, cofundador da empresa.

Atualmente, a BlaBlaCar opera no Benelux, Croácia, França, Alemanha, Hungria, Índia, Itália, México, Polónia, Portugal, Roménia, Rússia, Sérvia, Espanha, Turquia, Ucrânia e no Reino Unido.