O treinador Julen Lopetegui disse que o FC Porto terá de “jogar nos limites táticos, físicos e emocionais”, para vencer terça-feira os ingleses do Chelsea, orientado pelo português José Mourinho, para a Liga dos Campeões de futebol.

Julen Lopetegui, que falava na antevisão do jogo da segunda jornada do grupo G, no auditório do Museu do FC Porto, desvalorizou o 15.º lugar do campeão inglês e reforçou que a Liga dos Campeões é uma prova única e que nada tem a ver com os resultados alcançados a nível interno.

“Começaram muito bem na Liga dos Campeões, com uma vitória por 4-0 (frente ao Maccabi Telavive), e têm uma grande equipa, com um potencial enorme, pelo que nos vão obrigar a fazer uma grande exibição”, disse o treinador dos ‘dragões’.

Questionado sobre se o empate em Moreira de Cónegos (2-2), após o triunfo em casa frente ao Benfica (1-0), podia ter deixado marcas na equipa, Julen Lopetegui desvalorizou, considerando que esses jogos fazem já parte do passado.

“O que interessa é o presente e o futuro. Não olhamos para trás, olhamos para a frente e para o jogo com o Chelsea. Queremos ser protagonistas, ninguém nos tira a ambição com que encaramos este jogo”, assegurou o técnico basco.

O FC Porto iniciou a presente edição da Liga dos Campeões cedendo um empate 2-2 nos últimos minutos de jogo com o Dínamo de Kiev, na Ucrânia, mas o treinador Julen Lopetegui considera que esse jogo faz já parte do passado.

“O resultado na Ucrânia já passou à história. O que nos interessa é fazer amanhã (terça-feira) um bom jogo e ganhar”, disse Julen Lopetegui, para, desta forma, juntar a vitória sobre os ingleses às comemorações em curso do 122.º aniversário do FC Porto.

O treinador relativizou ainda as estatísticas recentes dos portistas na Liga dos Campeões, onde surgem em destaque na concretização e na relação de golos marcados, consideram que esses dados pouco ajudam.

“Temos é que estar focados no nosso trabalho e no que vamos fazer frente ao Chelsea, que é uma grande equipa e que nos vai exigir muito”, disse o treinador dos portistas.

Julen Lopetegui disse ainda que o argelino Brahimi, que saiu lesionado no jogo com o Moreirense, já hoje treinou melhor, mas ainda vai ser reavaliado terça-feira, para se saber da sua recuperação total para poder ser chamado à equipa.