Arouca e Paços de Ferreira empataram esta quarta-feira 1-1, em jogo da segunda jornada do grupo C da Taça da Liga, e, com apenas um ponto cada, já não podem ambicionar a passagem à próxima fase.

Após uma igualdade sem golos na etapa inicial, o Paços de Ferreira adiantou-se aos 54 minutos, através de João Silva, mas o Arouca respindeu de pronto e, aos 57, Mateus igualou.

Lito Vidigal e Jorge Simão fizeram muitas alterações nos 11 iniciais, comparativamente à equipa que usaram na última jornada da Liga. Do lado do Arouca apenas Gegé se manteve e no Paços de Ferreira permaneceram Fábio Cardoso, Marco Baixinho e André Leal.

O Arouca foi a equipa mais pressionante no primeiro tempo, com o reforço Walter a ser o mais irrequieto no ataque. O paraguaio tentou aos 11, aos 21 e aos 23 minutos, mas sem sucesso.

PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR

Com menos caudal ofensivo, os “castores” viram João Silva tentar o golo aos 26, com um remate à entrada da área que saiu por cima. Aos 43, o mesmo João Silva, servido por Bruno Santos, e já com Rui Sacramento batido, atirou por cima da trave.

A segunda parte começou com golos para as duas equipas. Primeiro, João Silva, a cruzamento de André Leal, atirou para a baliza contrária (54 minutos), para, três minutos depois, o angolano Mateus, de fora da área, repor a igualdade.