A Guarda Nacional Republicana deteve no fim de semana 100 pessoas, 61 deles por conduzirem sob efeito de álcool, e detetou mais de 1.500 infrações de trânsito, principalmente excesso de velocidade.

Em resultado das várias operações realizadas no sábado e no domingo para prevenção e combate da criminalidade violenta foram também apreendidos 9,4 quilos de folhas de cannabis e 20 plantas desta espécie, 373 doses de haxixe, 1.193 peças de vestuário contrafeito, duas armas de fogo e duas armas brancas, além de 270 quilos de pinhas mansas, refere um comunicado da GNR hoje divulgado.

Além das 61 detenções por condução sob o efeito do álcool, a GNR refere mais 19 por condução sem habilitação legal, cinco por tráfico de estupefacientes, duas por furtos e uma por posse de arma proibida.

No trânsito, os militares da GNR detetaram 1.560 infrações e o comunicado destaca 730 casos de excesso de velocidade, 138 de condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido e 68 de falta ou incorreta utilização do cinto de segurança ou do sistema de retenção para crianças.

Da lista de infrações constam ainda mais de 80 situações de falta de inspeção periódica obrigatória de veículo, quase 40 de uso do telemóvel enquanto conduziam e 27 de falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.