O mediador da ONU no Iémen saudou, este domingo, a entrada em vigor do cessar-fogo no país e incitou todas as partes e também a comunidade internacional a “continuarem determinados em apoiá-lo”.

Esta trégua “é essencial, urgente e indispensável”, afirmou Ismail Ould Cheikh Ahmed, em comunicado.

O cessar-fogo, que entrou em vigor à meia-noite de domingo (22:00 de domingo em Lisboa), foi acordado entre o Governo do Presidente Abd Rabbo Mansour Hadi e o movimento dos rebeldes ‘huthis’.