O presidente da Câmara Municipal de Sintra, Basílio Horta, quer que todos os funcionários da autarquia apoiem a seleção nacional no jogo desta quarta-feira contra a Hungria. Por isso, deu tolerância de ponto a todos os funcionários da autarquia a partir das 15 horas.

Isto acontece “tendo em conta a realização do jogo Portugal – Hungria, pelas 17 horas”, lê-se no despacho do presidente eleito através das listas do PS na qualidade de independente.

O jogo “assume enorme significado e relevância nacional, pelo impacto e projeção internacional que proporciona ao nosso país” e trata-se de “um evento desportivo que merece o apoio de todos os portugueses”, refere o documento a que o Observador teve acesso.